VC REPÓRTER - CONTRIBUA CONOSCO E ENVIE FOTOS E VÍDEOS

VC REPÓRTER - CONTRIBUA CONOSCO E ENVIE FOTOS E VÍDEOS

terça-feira, 19 de julho de 2011

VÍDEO: EM GOIÂNIA, SOLDADO REAGE À PRISÃO E EFETUA QUATRO TIROS EM CAPITÃO

O capitão da Polícia Militar Makaitom Giuliano dos Santos Pires, 35, sofreu uma tentativa de homicídio na noite de sexta-feira (15), em um posto de gasolina do Setor Fonte Nova, em Goiânia. O suspeito de efetuar os disparos é o soldado Marcelo Bueno Andrade.

Segundo informações da Polícia Militar, a vítima estava na região noroeste, em um bar com o amigo, quando foi avisado por um funcionário do posto que estava ocorrendo um roubo de veículo próximo ao local. Armado, o policial dirigiu-se para o posto e deparou-se com Marcelo Bueno, que estaria tentando roubar um Audi.

CRATO-CE: POLÍCIA PROCURA HOMEM ACUSADO DE ESTUPRAR SUA ENTEADA DESDE OS 11 ANOS

O Juizado de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher decretou a prisão preventiva do tapeceiro Júlio Manoel dos Santos Neto, de 34 anos, residente na Travessa Assaré, 212 (Bairro Seminário) em Crato. Ele é acusado de estuprar, durante sete anos, sua própria enteada quando esta ainda era uma criança com apenas 11 anos de idade. Já com 17 anos foi a própria vítima que denunciou o crime junto ao Conselho Municipal dos Direitos da Mulher Cratense.


A tia dela, Francisca Alves da Silva, é membro, também, do Conselho Comunitário da Defesa Social (CCDS - Crato) e lidera um movimento no sentido da captura do acusado tendo recorrido ao apoio do Site Miséria na divulgação para contribuir na localização e conseqüente prisão de Julio Manoel. O mesmo encontra-se foragido desde o dia 6 de julho, segundo informaram os seus próprios familiares.

LAVRAS DA MANGABEIRA-CE: AGRICULTOR É MORTO DENTRO DE CASA E UM AMIGO SEU BALEADO

Um crime com características de pistolagem foi registrado por volta das 19h30min desta segunda-feira na Rua Professor Dori Dias (Distrito de Iborepi), distante 12 km da sede do município de Lavras da Mangabeira. O agricultor Francisco César Duarte, de 41 anos, mais conhecido como César Careca, foi morto com cinco tiros de revólver nas costas quando se encontrava no interior de sua residência.

O seu colega Luiz César Sales, de 22 anos, também agricultor, estava no imóvel e foi atingindo com um tiro no braço direito e outro abaixo do peito direito. César Careca morreu no local e Luiz foi socorrido às pressas para o Hospital Inês Andreazza de Aurora e, depois, transferido para o Hospital Geral de Brejo Santo. Os dois estavam na casa onde chegaram dois homens de jaqueta preta e capacete em uma motocicleta Honda Bros de cor vermelha e armados.