VC REPÓRTER - CONTRIBUA CONOSCO E ENVIE FOTOS E VÍDEOS

VC REPÓRTER - CONTRIBUA CONOSCO E ENVIE FOTOS E VÍDEOS

quinta-feira, 7 de janeiro de 2016

TRAIRI: ADOLESCENTE DEGOLA O IRMÃO DE 7 ANOS QUANDO ESTE DORMIA E DIZ QUE OUVIU VOZES ORDENANDO O CRIME

Uma tragédia familiar foi registrada na manhã desta quinta-feira (7) no Interior cearense. Um menino de apenas 7 anos de idade foi degolado a golpes de facão enquanto dormia. O assassino foi seu próprio irmão, um adolescente de 15 anos.
Segundo apurou a Polícia, o cruel assassinato ocorreu quando apenas os dois irmãos estavam em casa. Os pais haviam saído para acompanhar o velório de um parente na vizinha cidade de Paracuru, e deixou os filhos ainda dormindo.
Por volta de 6 horas, o adolescente disse ter acordado atordoado e ouvindo vozes. “Mandavam eu matar meu irmão”, disse o rapaz em depoimento na Delegacia de Polícia Civil da cidade de Trairi, no litoral Oeste do Ceará (a 130Km de Fortaleza).
Na casa da família, situada na localidade de Munguba, na zona rural de Trairi, a cerca de 19 quilômetros da sede municipal,  o quadro era de desespero quando os pais retornaram para casa. Encontraram o corpo do menino 7 anos degolado na cama. O adolescente estava do lado.

Logo, a notícia se espalhou e a Polícia foi chamada, efetuando a apreensão do garoto de 15 anos. Os pais também foram conduzidos à delegacia. O clima naquela localidade é de revolta e ao mesmo tempo muita comoção. 

Fonte: Blog do Fernando Ribeiro 

GOVERNADOR NOMEIA CORONEL DA PM COMO CONTROLADOR-GERAL DO SISTEMA QUE ABRIGA ADOLESCENTES INFRATORES

O governador do Ceará, Camilo Santana (PT), nomeou um oficial da Polícia Militar para o cargo de controlador-geral do Sistema Socioeducativo, que abriga os adolescentes infratores em cumprimento de internação determinação pela Justiça após o cometimento de crimes ou atos infracionais.  Ele terá a missão de apurar eventuais violações dos Direitos Humanos contra os menores enclausurados.
O nome  escolhido foi o do tenente-coronel da PM  Clauber Wagner Vieira de Paula. O militar terá a missão de receber e investigar denúncias de agressões e ou maus-tratos contra os adolescentes que estão internados nos Centros Educacionais do Estado, onde são comuns os casos de rebeliões e fugas.
A medida de Camilo Santana veio após o Sistema Educacional passar  por um ano de turbulência. Segundo dados da Justiça, em 2015, pelo menos, 80 motins deixaram dezenas de feridos, um adolescente assassinado, além de serem registradas, ao menos, 200 fugas.  Praticamente todos os centros existentes em Fortaleza foram alvos de depredações e alguns, como o Patativa do Assaré (localizado no bairro Ancuri), o São Francisco (no  Passaré) e o Passaré (no bairro do mesmo nome) ficaram completamente destruídos em seguidas rebeliões com incêndio de suas dependências.

“OPERAÇÃO MEDELLÍN DO CARIRI” COMBATE O TRÁFICO DE ARMAS E DROGAS; MAIS DE 40 FORAM PRESOS

Uma megaoperação foi desencadeada na manhã desta quinta-feira (07), na região do Cariri, para combate ao tráfico de drogas e armas na região. Coordenada pela Polícia Civil, a “Operação Medellín do Cariri” cumpriu 42 mandados de prisão e 70 mandados de busca e apreensão de drogas e armas. Cerca de 40 pessoas já foram presas.
A operação teve início nas primeiras horas da manhã de hoje e contou com a participação de 130 policiais de dez municípios das regiões do Cariri e Centro-Sul e três delegados. Foram utilizadas 41 viaturas e até um helicóptero da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer). As investigações conduzida pelo delegado Juliano Sena, da Delegacia Regional do Crato, tiveram início no meio do ano passado.

O nome da operação é alusivo ao famoso Cartel de Medellín, uma rede de traficantes de drogas muito bem organizada, originária da cidade de Medellín, na Colômbia. Os narcotraficantes atuaram entre as décadas de 1970 e 1980, em pelo menos cinco países da América Latina, além da Europa.

Fonte: DN

PARABÉNS À PRIMEIRA TURMA FEMININA DE TENENTES-CORONÉIS DA PM CEARENSE.


Os quadros feminino e masculino eram separados, na Polícia Militar. Em 1994, ingressavam na corporação a primeira turma de mulheres , fato que mudou para sempre a Polícia Militar do Ceará.
"Como em toda categoria profissional, a fragilidade feminina, aos olhos dos homens, supera a técnica. Mas nós temos formação profissional idêntica, e nós temos condição de fazer o trabalho policial militar com todo o rigor que o masculino faz”, declara a tenente-coronel Cléa Beltrão em entrevista a um programa de televisão.

Camocim Polícia 24h