VC REPÓRTER - CONTRIBUA CONOSCO E ENVIE FOTOS E VÍDEOS

VC REPÓRTER - CONTRIBUA CONOSCO E ENVIE FOTOS E VÍDEOS

quarta-feira, 18 de fevereiro de 2015

CONFIRA AS OCORRÊNCIAS POLICIAIS OCORRIDAS DURANTE O CARNAVAL EM CAMOCIM.

Tranquilo, ordeiro e calmo, esses são os adjetivos corretos que se enquadram para o período carnavalesco em Camocim. Esse resultado alcançado deve-se ao intenso trabalho realizado pelos policiais da 3ªCIA/3ºBPM, bem como do reforço que veio de Fortaleza.
A “Operação Carnaval” foi comandada pelo Major Assis Azevedo e alcançou seu objetivo, o de levar segurança e tranquilidade aos foliões da cidade e aos que escolheram Camocim para brincar o carnaval. Confira as principais ocorrências policiais registradas pelo centro de estatísticas da PM camocinense no período de sexta-feira (13) até a manhã de quarta-feira (18).

Sexta-feira (13)
  • Prisão por furto ocorrido por volta da 11h30 na Rua Riachuelo, Bairro Cruzeiro, próximo ao comercio do Goiana.
  • Prisão por roubo e associação ao crime ocorrido por volta de 13h00, na Av. Beira mar, local de embarque e desembarque das Lanchas.
  • Achado de cadáver ocorrido por volta das 23h30 na Rua Perimetral, bairro Coqueiros.
Sábado (14)
  • Prisão por perturbação do sossego alheio ocorrida por volta das 06h00 na Rua 24 de Maio, Centro da cidade.
  • Prisão por consumo de drogas ocorrida por volta das 13h10 na Avenida Beira-Mar, próximo à Praça do Ódus.
  • Prisão por porte de arma branca ocorrida na Rua da Independência, próximo ao evento do mela-mela.
  • Lesão corporal a bala ocorrida por volta das 18h00 na localidade de Flamenga do Batista Duca.
  • Prisão por porte de arma branca ocorrida por volta das 20h00 na Rua da Antonio Zeferino Veras, próximo ao Posto Rocha.
  • Prisão por perturbação do sossego alheio ocorrida por volta das 20h00 na Rua 24 de Maio, próximo à antiga delegacia.
Domingo (15)
  • Prisão por assalto a mão armada ocorrida por volta da 01h30, na rua Santos Dumont, Centro.
  • Prisão por porte de arma branca ocorrida por volta das 15h35 na Pracinha do Amor, no evento no mela-mela.
  • Prisão por danos materiais ocorrida por volta das 19h30 na Rua José Maria Veras, próximo à Macavi.
Segunda-feira (16)
  • Acidente de trânsito com vítima fatal ocorrido por volta das 11h00 no cruzamento das Ruas Joaquim Távora com Independência.
Terça-feira (17) 
  • Prisão por lesão corporal ocorrida por volta das 06h00 na Rua Dr. Raimundo Veras, bairro Brasília.
Quarta-feira (18) de 00h00 até as 06h00
  • Sem alteração.
Camocim Polícia 24h com informações repassadas pela 3ªCIA/3ºBPM

POLÍCIA MILITAR AVALIA CARNAVAL CAMOCIM 2015 COMO UM DOS MAIS TRANQUILOS DOS ÚLTIMOS ANOS.

A 3ª CIA/3° BPM, responsável pelo policiamento ostensivo e a Preservação da Ordem Pública de Camocim e mais 4 cidades circunvizinhas, avalia que os dias de folia do carnaval 2015 podem ser considerados os mais tranquilos dos últimos anos. Nos locais onde foram realizados eventos carnavalescos a Polícia Militar não registrou nenhuma ocorrência grave. Isso tudo é fruto de um planejamento operacional bem elaborado e bem executado pelos homens de frente.
As ocorrências de destaque registradas na Praça do Ódus, Pracinha do Amor, Ilha do Amor, Praia das Barreiras e Praia do Maceió estão relacionadas à ocorrências básicas e corriqueiras.
A maioria das ocorrências registradas pela Polícia Militar está relacionada à embriaguez e desordem, vias de fato, causadas pelo consumo excessivo de bebidas alcoólicas.

BALANÇO PARCIAL APONTA 66 HOMICÍDIOS OCORRIDOS DURANTE O CARNAVAL

Dados incluem ocorrências registradas entre as 18 horas da sexta-feira, 13, e as 18 horas de ontem. Levantamento foi feito com base em dados da Ciops, perícia forense e DHPP. Em 2014, balanço final somou 71 mortes.

Pelo menos 66 homicídios foram registrados no Ceará durante o feriadão de Carnaval, segundo levantamento parcial feito pelo O POVO com base em dados da Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops), da Coordenadoria de Medicina Legal (Comel) e da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). Em média, 17 pessoas foram assassinadas por dia.                                                Numa comparação com o Carnaval de 2014, considerado o mais violento do últimos 10 anos, o volume de assassinatos diminuiu 7%. Entretanto, os dados de 2014, quando foram 71 mortes, incluem também as ocorrências da noite de terça-feira e a manhã da Quarta-feira de Cinzas.