VC REPÓRTER - CONTRIBUA CONOSCO E ENVIE FOTOS E VÍDEOS

VC REPÓRTER - CONTRIBUA CONOSCO E ENVIE FOTOS E VÍDEOS

domingo, 30 de janeiro de 2011

GOL CAPOTA NA CE-183, ENTRE CARIRÉ E VARJOTA.

Na noite desta sexta feira (28), por volta das 21h, um Gol de placas HXQ-8460, Fortaleza-CE, veio a capotar nas proximidades do trevo de Macaraú.
O condutor e proprietário do carro, Ricardo de Souza Magalhães (33), residente em Macaraú, trafegava sozinho pela CE-183 no sentido Cariré/Varjota quando perdeu o controle do seu carro na curva do “Serrote da Onça”, saiu da pista, desceu um aterro e após capotar parou dentro de um córrego, cerca de cinqüenta metros da pista.
O veículo ficou com as rodas para cima, dentro do pequeno riacho. Devido a distancia e o difícil acesso ao local, quem passava pela pista não conseguia vê-lo. Mesmo ferido, o motorista conseguiu sair do carro, caminhou cerca de 2 km e pediu ajuda em uma residência.

ACIDENTE COM CAMINHÃO MATA INDUSTRIÁRIO NA DESCIDA DA SERRA DO ARARIPE.

Um grave acidente com vítima fatal foi registrado por volta das 14 horas deste sábado no Km 4 da rodovia estadual CE-060 que liga os municípios de Barbalha e Jardim. Um caminhão com uma carga de biscoitos procedente de Salgueiro (PE) perdeu freios quando viajava na direção de Juazeiro do Norte e colheu violentamente uma motocicleta que trafegava em sentido contrário. O choque se deu na altura da localidade denominada Riacho do Meio, zona rural de Barbalha.
Provavelmente, o industriário Edilson Santana dos Santos, de 35 anos, que residia nas imediações do Sítio Pinheiros, havia acabado de sair do seu trabalho na indústria de cimento IBACIP, que funciona perto do local do acidente. Ele viajava sozinho subindo a Serra do Araripe. A motocicleta foi colhida pelo caminhão Ford.

CARRETA COM FARINHA TOMBA E DEIXA MOTORISTA FERIDO.

No momento do acidente, a carreta ainda derrubou um poste.

Uma carreta que transportava 37 toneladas de farinha de trigo de Foraleza para a cidade de Teresina (PI) virou no início da manhã deste sábado (30). O acidente aconteceu na alça de acesso à BR-116, no bairro Aerolândia, em Fortaleza.
O motorista, que teve ferimentos leves, afirmou que não estava em alta velocidade e acredita que o carro tombou devido ao peso estar concentrado mais em um lado da carreta. Já a Polícia Rodoviária Federal (PRF) diz que, através de observações de freios na pista, é possível informar que o veículo estava em alta velocidade.
No momento do tombamento, a carreta ainda derrubou um poste. A energia da área não foi prejudicada, mas o trânsito ficou parcilamente bloqueado.
Um caminhão de apoio fez a transferência da mercadoria, que não foi perdida.
Fonte: Jangadeiro online

POLÍCIA INVESTIGA VENDA DE ATESTADOS MÉDICOS.

Em depoimento na delegacia, o acusado confirmou ter vendido atestados falsos até mesmo para PMs

Delegado Jaume Linhares
Utilizando um computador pessoal e o acesso a documentos e informações privilegiadas que obtinha por trabalhar em um hospital, o técnico em informática Gilberto Costa Pires Filho, 47, está sendo acusado de confeccionar atestados e receituários médicos para vender, inclusive, para policiais militares.

O golpe foi descoberto pela Polícia com a prisão do acusado do crime, na última semana, no Conjunto Ceará. O caso agora está sendo investigado pelo delegado Jaime Paula Pessoa Linhares, titular da Delegacia de Defraudações e Falsificações (DDF), que deve ouvir, ainda esta semana, representantes do Conselho Regional de Medicina do Ceará. (Cremec).

ESTADO IDENIZARÁ FAMÍLIA DE PRESO MORTO.

Juiz que julgou o caso
O juiz Paulo de Tarso Pires Nogueira, titular da 6ª Vara da Fazenda Pública do Fórum Clóvis Beviláqua, condenou o Estado do Ceará a pagar indenização de R$ 20 mil, por danos morais, à R.M.S., irmã de R.S.B.M., espancado até a morte por companheiros de cela no 7º Distrito Policial (DP), em Fortaleza. A decisão foi publicada no Diário da Justiça Eletrônico da última quarta-feira.
De acordo com o processo, ele foi preso no dia 28 de outubro de 2004, sob a acusação de ter cometido um homicídio, no bairro Colônia. Logo que foi detido, no 7º DP, envolveu-se em uma briga com os demais detentos e foi espancado. No dia seguinte, teve que ser transferido para o 33º DP, onde faleceu em consequência das lesões sofridas durante a agressão.
R.M.S. requereu indenização por danos morais no valor de R$ 700 mil. Defendeu que o Estado não preservou a vida do irmão dela, como preconiza a Constituição Federal. Na decisão, o magistrado argumentou que "o Estado, ao assumir o monopólio da atividade judiciária mantendo o sujeito no cárcere, deve laborar no sentido de assegurar aos detentos o respeito à integridade física e moral".