sexta-feira, 25 de outubro de 2013

POLÍCIA MILITAR E PREFEITURA DE SOBRAL SE UNEM PARA COMBATER OS PAREDÕES DE SOM NA CIDADE.


Para intensificar o trabalho de combate à poluição sonora, a Prefeitura de Sobral trabalhará em parceria com a Companhia de Polícia Militar Ambiental (CPMA) e Secretaria Estadual do Meio Ambiente (SEMACE). Os detalhes da parceria foram acertados, nesta quinta-feira (24), em reunião, do Chefe de Gabinete Luciano Arruda com o Comandante do Batalhão Ambiental, Cel. Cláudio Mendonça, e demais envolvidos com o tema.
Através de denúncias realizadas pelos moradores à Central do CIOPS, a equipe se deslocará até o local indicado podendo até apreender equipamentos de som. O trabalho será realizado por policiais da CPMA, técnicos da Autarquia Municipal de Meio Ambiente (AMMA) e da Secretaria Estadual do Meio Ambiente (SEMACE) e Guarda Municipal.
Segundo a Secretária de Urbanismo Patrimônio e Meio Ambiente (Seurb), Gizella Gomes, a AMMA já vinha realizando este trabalho de fiscalização em estabelecimento com o uso do decibelímetro. “Com a presença da Polícia Ambiental iremos intensificar as ações e não só autuaremos, mas será possível a apreensão de equipamentos”, adiantou.

De acordo com o Comandante do Batalhão Ambiental, Cel. Cláudio Mendonça, o objetivo é garantir que as pessoas tenham tranqüilidade e paz. “Um som alto pertuba 100 pessoas, um enfermo, idoso, criança, trabalhador, estudante”, afirma Mendonça.

Ainda de acordo com o Cel. Mendonça, o crime de poluição sonora gera vários delitos derivados a partir dele. “Se baixa a poluição sonora, baixa também o consumo de drogas, as brigas, o consumo de bebida alcoólica e com isso os acidentes de trânsito. Se reduz o som alto, a sociedade vai ter muito mais tranqüilidade”, assegurou.

Fonte: Blog Sobral

14 comentários:

Anônimo disse...

Nem lei mais essas besteiras mentirosas, ninguém aguenta mais isto não meu povo, aqui também se ver muito isto no papel, mas a verdade é outra, simplesmente não acontece nada de bom em prol do povo.

Unknown disse...

vão atrás de bandidos que é melhor, todo dia morre gente ai não é por causa do som não.

Anônimo disse...

Era para eles ir atrás de bandido, faz reunião para combater o trafico de drogas e a corrupção e não andar atrás de paredão de som. Se toca Brasil!

Anônimo disse...

Belo exemplo, já em nosso lindo Camocim não é bem assim. Outro dia presenciei uma cena muito triste a PM teve que recuar e até levou uma ou duas vaias quando chegou para baixar uma equipamento sonoro na Avanida Beira-mar. Por pouco um policial não espancou um cabra safado, quer quer dá uma de pessoa importante na nossa cidade, e passou a desacatar os policiais.

Anônimo disse...

Vamos lá Camocim-CE., vamos copiar!

Pedro Sá disse...

Se o camarada quer escutar um som e explodir seus ouvidos, não vejo nada de errado nisso desde de que não perturbe os outros que não tem nada a ver. Aprovo e muito esta iniciativa, aqui em Sobral tem muito filho de papai gaiato, botem quente, hajam dentro do estrito cumprimento do dever legal, usem o poder de polícia que a constituição os delega, se algum desses baderneiros abusar ou dificultar o trabalho, arrastem-no e enquadrem em outro crime, só assim eles vão aprender. Pra que isso aconteça e a cidade tenha sossego, os pms precisam do apoio de todos, da sociedade, do poder judiciário, do MP, da prefeitura e principalmente do seu comandante.

Pedro Sá disse...

Se o camarada quer escutar um som e explodir seus ouvidos, não vejo nada de errado nisso desde de que não perturbe os outros que não tem nada a ver. Aprovo e muito esta iniciativa, aqui em Sobral tem muito filho de papai gaiato, botem quente, hajam dentro do estrito cumprimento do dever legal, usem o poder de polícia que a constituição os delega, se algum desses baderneiros abusar ou dificultar o trabalho, arrastem-no e enquadrem em outro crime, só assim eles vão aprender. Pra que isso aconteça e a cidade tenha sossego, os pms precisam do apoio de todos, da sociedade, do poder judiciário, do MP, da prefeitura e principalmente do seu comandante.

Anônimo disse...

Eu nao sou a favor de som alto,mais me desculpe são tantas prioridades como tráficos de droga,roubos,corrupção,violência,ai vão se preocupar com essas besteiras rapaz é porisso q o Brasil nao vai pra frente

JÚNIOR disse...

Vergonha!Em Sobral as drogas estão sendo vendida nas porta dos colégio, armas são vendidas em toda bodega, assalto em cada 10 minutos, air nao tem reunião. Mas um som que nunca vi ninguém morrer e nem matar por causa dele, tem que ter reunião até com secretario de seguraça publica, vamos abrir os olhos autoridades,tem coisas de mais prioridade.

Anônimo disse...

Eu digo é assim: COPIA CAMOCIM.

Anônimo disse...

Aqui em Camocim essa ideia não pegaria jamais e todos sabem o por que...

Anônimo disse...

trafico de drogas, corrupção na classe politica,violência, som alto,criminosos, assaltos, enfim, tudo aquilo q afligem a sociedade, tem q ser combatidos com uma legislação q faça justiça e tenha punição de verdade, é esse apoio q a policia e o povo precisa, só assim haverá paz.um som alto pode até não matar ninguém, mas, adoece e incomoda e quem gostam bote um fone nos ouvidos e os estourem.

Anônimo disse...

Esse tal de boi do paredao nao deixa ninguem em paz final de semana quando nao e uma picape estrada com o som bem alto e uma paredao branco ..dizem que er pra competi com o gagao!!!!!
Acordao meu povo camocinesse agora e ela?

Unknown disse...

Não tenho nada contra a diversão de ninguém...só acho que o direito de um grupo não pode interferir no do outro.....não tenho que ouvir música no último volume só porque outra pessoa quer....se houvesse respeito e educação não precisaria nem de leis....mas....Enfim, parabéns à prefeitura e a polícia ambiental