quinta-feira, 30 de janeiro de 2020

MARTINÓPOLE-CE: MULHER LESIONADA A PEDRADAS NO SÁBADO (25) VEIO A ÓBITO NA QUARTA-FEIRA (29)

Durante todo o ano de 2019 o município registrou apenas um homicídio

Lamentavelmente o município de Martinópole registrou sua primeira morte violenta neste ano de 2020. A vítima foi uma mulher identificada como Maria Cícera Delfino, de 47 anos.
De acordo com as informações colhidas pelo Camocim Polícia 24h, a mulher teria sido alvejada com uma pedrada ainda no sábado, 25 de janeiro, durante uma confusão com um indivíduo. Por considerar que a lesão teria sido leve, os familiares não informaram o caso a polícia, contudo, o quadro de saúde da vítima se agravou e ela veio a óbito no dia de ontem, quarta-feira 29, em Sobral. Ainda de acordo com a informações, o suspeito de ter desferido a pedrada na mulher está foragido. A Polícia Civil já iniciou as investigações acerca do caso e provavelmente trabalhará considerando o crime como lesão corporal seguida de morte. 
Conforme as estatísticas do blog Camocim Polícia 24h, o município de Martinópole estava com 6 meses e 22 dias (205 dias) sem o registro de crimes violentos letais e intencionais (homicídios, latrocínio ou lesão corporal seguida de morte), sendo que o último havia ocorrido em Julho de 2019. Relembre AQUI. A polícia pede para quem tiver informação do suspeito ligar para o 190 e sua identidade será mantida em sigilo absoluto. 

Camocim Polícia 24h

6 comentários:

Anônimo disse...

Divulga aí, do homem da timonha que supostamente os "herói" mataram! Bando de bandido fardado

Anônimo disse...

Que absurdo tamanha violência.

Anônimo disse...

Pq qui esse blog ainda não noticiou, um crime de tortura q aconteceu no Pituba interior de granja? Tem q ser imparcial

Anônimo disse...

uma prdra dersa ai martava ater um elerfante.


Anônimo disse...

A justiça tem q ter muito cuidado sobre esse caso de granja tem muitos traficante investindo para sujar o nome dos heróis

Anônimo disse...

Sou a favor de pegar vagabundo e o cidadão ser respeitado pq em umas cidades dessas que são muito pequenas e fácil saber que e trabalhando e quem e bandidos não vamos generalizar mais digo bandido e bandido morto