sexta-feira, 31 de janeiro de 2020

REAJUSTE SALARIAL: SECRETÁRIO DA SEGURANÇA DIZ QUE SOLDADO GANHARÁ R$4 MIL REAIS A PARTIR DE MARÇO NO CEARÁ


O pacote de valorização para profissionais da Segurança Pública apresenta reajuste salarial para categorias da Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros e Perícia Forense  
  
O Secretário da Segurança Pública, André Costa, se reuniu com o governador Camilo Santana nesta sexta-feira, 31, e divulgou que foi concluído o pacote de valorização para profissionais de Segurança Pública. O pacote será encaminhado à Assembleia Legislativa do Estado do Ceará (AL-CE) para votação. O reajuste começa a ser pago a partir de março de 2020.    
Após o reajuste, serão pagas quatro parcelas retroativas: a primeira em março de 2020, a segunda em março de 2021, a terceira em março de 2022 e a quarta em dezembro de 2022. "São muitos valores, todos os profissionais da segurança, praças, oficiais, delegados, peritos, peritos adjuntos", ressalta. O anúncio foi feito por meio da rede social Instagram do próprio secretário. Nas imagens,André Costa aparece com os comandantes da Polícia Militar do Ceará (PMCE), Corpo de Bombeiros, Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) e Polícia Civil.   
O secretário deu como exemplo os soldados do Estado, que passarão a receber o valor de R$4 mil fixos, sem perder o adicional para soldados e cabos, de R$200 que já recebem. Neste sábado, 1º, todos os comandantes repassarão para as suas tropas os valores detalhadamente.  
"Um grande esforço do governador e toda a equipe, um trabalho árduo durante meses para que a gente pudesse alcançar os melhores valores do Ceará, para que o Estado consiga continuar honrando os seus compromissos em dia e valorizando ao máximo os profissionais, um grande reconhecimento pelo brilhante trabalho que todos vocês tem feito na área da segurança pública do Ceará, uma grande referência hoje para todo País", divulgou André Costa.  

Fonte: O Póvo
 

NOTA ENVIADA PELO RAIO DE GRANJA AO BLOG CAMOCIM POLÍCIA 24H


Confira a nota enviada durante o início da tarde desta sexta-feira, 31, pelo Tenente da PM L Júnior, comandante do Raio de Camocim e Granja, ao blog Camocim Polícia 24h

"O 4ºPelotão/3ªCia/3ºBPRAIO (Granja) vem a público informar que todas as medidas necessárias para o esclarecimento da ocorrência policial no distrito de Timonha estão sendo tomadas. Tudo está sendo apurado com o rigor necessário em busca verdade real dos acontecimentos, tanto pela Policia Civil quanto pela Policia Militar. 
Algumas pessoas estão se aproveitando do fato para tentar manchar a imagem, construída com muito suor e dedicação, do Raio na cidade de Granja. São inúmeras as prisões, principalmente no combate ao tráfico de drogas no município. Sem falar na quantidade de armas de fogo apreendidas e na diminuição significativa de crimes contra o patrimônio e homicídios. Por consequência, a população “respira” uma maior sensação de segurança após a chegada do Raio. Estes fatos positivos incomodam aqueles que andam à margem da lei e a todo custo querem desconstruir a imagem do Pelotão com o objetivo de voltarem a ter tranquilidade para cometerem seus crimes. 
Pedimos que a população de bem (que é a que merece explicações e é por ela que nos doamos diariamente, mesmo com o risco da própria vida) aguarde a apuração dos fatos e não se deixe levar pelo sensacionalismo e mensagens com suposições não comprovadas até o momento. Os policiais registraram o ocorrido na delegacia de Polícia Civil e lá apresentaram sua versão sobre o fato. 
Reafirmamos que todo o ocorrido está sendo investigado com muita seriedade e rigor em busca da verdade real."

4ºPel/4ªCia/3BPRAIO 

VOCÊ SABIA QUE?


A licença nojo ou licença de óbito, é uma das hipóteses previstas em legislação pela qual o empregado pode faltar ao serviço, sem prejuízo do salário, em casos de falecimento de parentes próximos. A licença nojo possui a duração de: 2 dias nos casos gerais previstos na CLT; 9 dias nos casos de professores regidos pela CLT; 8 dias nos casos de servidores públicos regidos pela Lei n° 8.112/90

Escritório de Advocacia Zenilson Coelho

PM'S DO RAIO APRESENTAM VERSÃO PARA A MORTE DE HOMEM DE 23 ANOS EM TIMONHA, EM GRANJA


Mediante a grande polêmica sobre a morte de Antonio José da Costa, 23 anos, a equipe do blog Camocim Polícia 24h correu atrás e conseguiu junto ao Pelotão do Raio de Granja a versão oficial dos policiais militares como também dos familiares e amigos do homem sobre este fatídico caso. Ressaltamos que o texto a seguir relata a versão dos policiais militares que participaram da ocorrência e o blog está tão somente reproduzindo. Confira:

"Que por volta das 13:30 horas do dia 29 de Janeiro, a equipe da viatura Raio 054 estava patrulhando no distrito de Timonha (distante mais ou menos 80km da sede do município), Zona Rural de Granja, mais precisamente no bairro chamado Babilônia (local de onde recebe-se diversas denúncias anônimas de tráfico de drogas), quando abordaram um homem conhecido por Tonhão Chinês, sobre o qual recaíam denúncias de comercialização de entorpecentes. Antonio estava dentro de um bar bem próximo a sua casa. Os militares então solicitaram que ele saísse do estabelecimento e efetuaram uma busca pessoal na calçada do bar, onde foi encontrado de posse do mesmo uma pequena porção de maconha e alguns sacos de dindin. Diante do flagrante, Antonio recebeu voz de prisão, momento no qual mostrou-se resistente, sendo necessária a utilização das algemas. Em ato contínuo, a equipe dirigiu-se, juntamente com o homem, até sua residência, vizinha ao bar, para pegar algum documento de identificação e vistoriar o imóvel no intuito de verificar se existia drogas, já que o mesmo foi flagrado com uma pequena quantidade de maconha e já haviam diversas denúncias contra ele. Ao chegar na casa, o comandante da equipe determinou que dois policiais ficassem fazendo a segurança do lado de fora do imóvel. Um dos pm’s ficou na esquina próximo à casa e outro ficou na porta. Entraram no imóvel o comandante da equipe e outro policial. Segundo informou o comandante da equipe, ele e o outro policial colocaram o preso sentado no chão em um cômodo da casa algemado com as mãos para trás e, começaram a efetuar buscas no imóvel, sendo que encontraram uma balança de precisão e mais sacolés de dindin, no entanto, não perceberam que o preso havia saído do local o qual haviam deixado. Ao perceberem que Antônio havia saído, começaram a procura-lo dentro do imóvel, pois imaginaram que não havia saído pela frente da casa, já que lá estavam mais dois policiais. Não o encontrando dentro do imóvel, dirigiram-se até o quintal. Vistoriaram um banheiro que lá existe mas este estava vazio. Ao olharem para dentro de uma cisterna naquele ambiente, encontraram Antonio se afogando, ainda se “debatendo”. Com muita dificuldade (segundo os policiais a cisterna tem mais ou menos 3 metros de profundidade, dos quais 2/3 estavam preenchidos com água), dois dos pm’s conseguiram tirar Antônio do reservatório. Os pm’s então começaram a fazer o procedimento de RCP, com massagens cardíacas, em regime de revezamento. Como as manobras não surtiram o efeito esperado, colocaram Antônio no banco de trás da viatura, no colo de um dos pm’s, e o conduziram imediatamente para a UPA de Granja. Ao chegarem nesta repartição de saúde, a médica plantonista verificou que o preso já estava sem vida.  Diante da situação, os policiais entraram em contato com a CIOPS para acionar a PEFOCE e dirigiram-se à delegacia de polícia civil onde registraram o fato através de um Boletim de Ocorrências. Segundo os relatos dos policiais envolvidos nesta ocorrência, a cisterna na qual Antonio foi encontrado fica próximo (entre 1 metro e meio a 2 metros) a um muro, onde nele tem um pequeno buraco, provavelmente feito de propósito, para encaixar o pé e facilitar a transposição. E ainda a borda superior do muro próxima a cisterna é a única parte que não tem pedaços de vidro (pega ladrão). Então uma das possibilidades ventiladas pelos policiais foi que Antonio tentou sobrepor o muro, mas como estava algemado para trás, se desequilibrou e caiu dentro do reservatório. Outra possibilidade seria a tentativa de Antonio se esconder na própria cisterna, vindo a afogar-se."

Versão de familiares e amigos 

Já os familiares e amigos negam que Antonio tenha envolvimento com drogas e relataram através das redes sociais que ele era um rapaz trabalhador e que teria morrido durante uma ação dos pm’s do Raio de Granja no distrito de Timonha. Os familiares teriam afirmado que Antonio voltava do trabalho para casa no final da tarde de quarta-feira, 29, quando foi abordado pelos pm’s já em sua residência. Lá ele teria sofrido agressões e depois disso, o mesmo teria ido levado a UPA do município pelos próprios policiais e já teria dado entrada morto. 

Está sendo apurado

Entramos em contato como o Tenente Coronel Eduardo, Comandante 3ªCia do 3ºBPM, o qual nos informou que durante a manhã de ontem, quinta-feira 30, esteve no distrito de Timonha onde foi averiguar pessoalmente os relatos sobre o ocorrido e que o caso será rigorosamente apurado tanto na esfera administrativa como na esfera criminal. O Tenente Coronel Eduardo, por ser o Comandante maior da Polícia Militar na região, fará um relatório circunstanciado dos fatos e em seguida enviará ao Comando Geral em Fortaleza, a quem compete instaurar e nomear um oficial da Polícia Militar para presidir Inquérito Policial Militar visando apurar o suposto crime de natureza militar, portanto, ser da  competência da justiça militar e não da comum.  Se ao final for comprovado que houve erros por parte dos pm’s, estes serão responsabilizados de acordo com a lei. Da mesma maneira, de acordo com a lei, se ficar comprovado a veracidade da versão dos pm’sestes  serão inocentados.  

Camocim Polícia 24h

quinta-feira, 30 de janeiro de 2020

MARTINÓPOLE-CE: MULHER LESIONADA A PEDRADAS NO SÁBADO (25) VEIO A ÓBITO NA QUARTA-FEIRA (29)

Durante todo o ano de 2019 o município registrou apenas um homicídio

Lamentavelmente o município de Martinópole registrou sua primeira morte violenta neste ano de 2020. A vítima foi uma mulher identificada como Cícera.  
De acordo com as informações colhidas pelo Camocim Polícia 24h, a mulher teria sido alvejada com uma pedrada ainda no sábado, 25 de janeiro, durante uma confusão com um indivíduo. Por considerar que a lesão teria sido leve, os familiares não informaram o caso a polícia, contudo, o quadro de saúde da vítima se agravou e ela veio a óbito no dia de ontem, quarta-feira 29, em Sobral. Ainda de acordo com a informações, o suspeito de ter desferido a pedrada na mulher está foragido. A Polícia Civil já iniciou as investigações acerca do caso e provavelmente trabalhará considerando o crime como lesão corporal seguida de morte. 
Conforme as estatísticas do blog Camocim Polícia 24h, o município de Martinópole estava com 6 meses e 22 dias (205 dias) sem o registro de crimes violentos letais e intencionais (homicídios, latrocínio ou lesão corporal seguida de morte), sendo que o último havia ocorrido em Julho de 2019. Relembre AQUI. A polícia pede para quem tiver informação do suspeito ligar para o 190 e sua identidade será mantida em sigilo absoluto. 

Camocim Polícia 24h

PM'S DE CHAVAL PRENDEM TRÊS SOB SUSPEITA DE FURTO E RECEPTAÇÃO


Um indivíduo foi preso durante a manhã de quarta-feira, 29, sob suspeita de furto e duas pessoas detidas suspeitas de receptação na cidade de Chaval. 
Era por volta de 10h quando uma mulher chegou até o destacamento da PM de Chaval e relatou que no dia 25 de janeiro deste ano teve sua casa arrombada de onde foi furtado um tablete, uma escova elétrica e um perfume, e que hoje foi informada que o autor do furto teria sido um indivíduo conhecido por George Luís. Uma equipe policial foi a casa do dito suspeito e em conversa com o mesmo ele teria confessado o crime bem como disse para quem teria vendido os objetos. Os pm’s foram a casa das pessoas que teriam comprado os objetos e as encontraram. Os objetos foram recuperados e todos foram conduzidos para a DPC de Chaval onde foram apresentados ao delegado plantonista, que ao analisar ocaso, resolveu por fazer um inquérito por portaria contra o autor do furto (George Luís), bem como lavrar um TCO por receptação contra os suspeitos. 

Efetuaram as prisões: Cb Henrique, Sds Ari, Erlan e Felipe Brito
Camocim Polícia 24h