quarta-feira, 15 de janeiro de 2014

PASSADO QUATRO DIAS, MENOR VOLTA AO MESMO COMÉRCIO E FURTA NOVAMENTE.

Na madrugada de sábado, dia 11, um adolescente de iniciais O.S.S., 16 anos, entrou em uma mercearia localizada no cruzamento das Ruas Dr. João Thomé com João Pessoa e é acusado de ter furtado os seguintes objetos: um aparelho celular, um par de sandálias, um litro de Wisk e ainda a quantia de cerca de R$ 500,00. Já na manhã de segunda-feira (13), os policiais da Força Tática conseguiram efetuar a apreensão do menor e o levaram para a DPC onde foi feito um BOC compatível a crime de furto e foi logo liberado.

De todo o material furtado apenas um par de chinelos foi recuperado pelos policiais.
Para se ter uma ideia da ousadia do delinquente, apenas 24 horas após ter sido apreendido, o menor voltou a invadir e entrar no mesmo comércio onde é acusado de ter furtado há apenas quatro dias atrás. Desta vez ele agiu por volta das 04h30 da manhã desta quarta-feira (15). O proprietário do estabelecimento relatou que ouviu um barulho estranho e resolveu olhar o que estava acontecendo. Quando chegou ao local, tomou um susto ao se deparar com o menor que mais parece uma criança de 10 anos. A própria vítima dominou o delinquente e acionou a Polícia Militar, que compareceu ao local e efetuou a apreensão do menor. O proprietário do estabelecimento relatou aos policiais que o infrator já havia separado para subtrair vários materiais. O menor foi mais uma vez conduzido para a DPC onde foi enquadrado em um BOC por crime de furto e foi liberado novamente.

Efetuaram a apreensão: Cb Dário, Sds Gomes e Alberto
Camocim Polícia 24h

4 comentários:

Anônimo disse...

Se um indivíduo desse "desaparecesse" seria a única forma de garantir que ele não continuaria a fazer o mal por aí.

Programa Última Trombeta disse...

Mt 24.12 diz: "E, por se multiplicar a iniquidade, o amor de muitos esfriará."

palavra Iniquidade significa: "sem lei". Negação da lei. Ilegalidade, falta de conformidade com a lei, violação da lei, desacato à lei.

O referido texto acima diz que por se multiplicar a iniquidade, o amor de muitos esfriará.

A Bíblia relata que um aumento incrível de imoralidade, desrespeito, rebeldia contra Deus e abandono dos princípios morais caracterizarão os últimos dias. A perversão sexual, a fornicação, o adultério, a pornografia, as drogas, a música ímpia e as diversões sensuais multiplicar-se-ão. Será “como foi nos dias de Noé” (v.37). Estamos vivendo tais dias.

Anônimo disse...

Os dias de noe ja se passaram. Estamos no inicio
Do apocalipse
Leia todos. O amor que esfriara e do israelitas e de todo aquele povo que ate no dias de hoje e dessobidiente ao Criador. O salvador veio para ensinar amar a nos e nosso proximo com a si mesmo. Isso e o que muitos nao fazem so busca ou acha que busca o criador,
Pedindo bencas e bens materiais.

Sera que esse deus que as pessoas busca e o criador de todos os ceus e terras?
Cuidado muito cuidado.

Quantos deles que fazem propagandas falando que suas vidas mudaram, mais so falam na parte finaceira.

Anônimo disse...

Calma pessoal jaja ele ficara de maior e conhecera as dependencias da cadeia como o heroi ja conhece questao de tempo e o cidadao do comercio meus parabens muita paciencia vc teve viu fez certo agente nao se suja atoa