quarta-feira, 28 de novembro de 2012

ADVOGADOS SÃO PRESOS SUSPEITOS DE INTEGRAREM QUADRILHA JURÍDICA NO TRAIRI-CE.


Foto: Rodrigo Carvalho
Quatro advogados suspeitos de roubar indenizações foram presos durante a manhã desta quarta-feira (28), no Trairi. As prisões fazem parte da operação “Trairi Limpo IV”, do Ministério Público em parceria com a Polícia Civil.
Segundo informações do Ministério Público, as ordens de prisões foram decretadas pelo juiz Fernando Teles de Paula Lima, em decorrência de um denúncia criminal do Ministério Público, que realizava investigações com a Polícia Civil do Trairi.

Foram presos Guilherme de Araripe Nogueira, José Eloisio Maramaldo Gouveia Filho, Caroline Gondim Lima e Manoel Carneiro Filho. Eles são suspeitos de integrarem uma quadrilha jurídica, que entre os anos de 2009 e 2012, cometeu 21 crimes de apropriação de indenizações que chegam a mais de R$ 631 mil.

Ainda de acordo com a promotoria do Trairi, os suspeitos se apropriavam de até 90% do valor das indenizações, e orientavam que as vítimas não revelassem o valor recebido, como forma de ocultar os crimes.

Reincidência
 
Os advogados Guilherme de Araripe Nogueira, José Eloisio Maramaldo Gouveia Filho e Caroline Gondim Lima foram alvos da “Operação Trairi Limpo II”, quando foi constatado que eles possuíam envolvimento com fraudes licitatórias no município. As prisões temporárias e preventivas foram decretadas. Já Manuel Carneiro Filho e Guilherme de Araripe Nogueira também são investigados pela atuação ilegal de Associações Nacionais de Defesa do Consumidor em Trairi.

Fonte: DN 

Nenhum comentário: