segunda-feira, 22 de outubro de 2012

PERIGOSO CHEFE DE QUADRILHA É PRESO.

Inspetores da Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos e Cargas (DRFVC) prenderam Gutemberg de Andrade, 32, mais conhecido pelo apelido de ´Gugu´,acusado de ser um dos chefes de uma quadrilha especializada em desviar cargas valiosas na Capital cearense.
O titular daquela Especializada, Dionísio Amaral, informou que ´Gugu´, em 11 anos, teve 19 passagens pela Polícia, sendo indiciado por furto, roubo, receptação e porte ilegal de arma.

 De acordo com o delegado, os comparsas foram identificados como Antônio Carlos da Silva, 45, o ´Antônio 19´, e Antônio Batista de Lima, 37, o ´Tantônio´.

Os comparsas de ´Gugu´ permanecem foragidos. No entanto, o delegado Dionísio Amaral solicitou à Justiça as prisões preventivas deles. ´Antônio 19´ responde a três inquéritos por receptação, quatro por furto e dois por estelionato. ´Tantônio´ tem seis passagens pela Polícia, sendo três por furto, uma por roubo e duas por receptação.

Migração
Dionísio Amaral salientou que o trio, anteriormente, praticava roubos de cargas, entretanto, devido às penas consideradas pesadas, eles partiram para o furto, que é um crime afiançável na maioria das vezes. "Para o grupo, foi melhor migrar", ressaltou o titular da DRFVC.

Nas últimas ações criminosas, os membros da quadrilha ficavam na BR-116, se passando por "chapa", pessoa que guia os caminhoneiros até o destino, quando os condutores dos veículos não conhecem o endereço especificado na nota fiscal.

Com a prisão de ´Gugu", os inspetores da DRFVC recuperaram uma carga de luminárias, quando outros membros do bando foram presos em flagrante.

Recuperaram ainda outras duas cargas, sendo uma de caixas de óleo de cozinha e outra de louças sanitárias.

ReconhecimentoDelegado Dionísio Amaral, titular da Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos e Cargas, ressalta que as investigações continuam na Grande Fortaleza

´Antônio 19´ compareceu à DRFVC, onde prestou depoimento, mas foi liberado em virtude de não haver flagrante. Apesar disso, ele foi indiciado e teve a custódia preventiva solicitada pelo delegado Dionísio Amaral.

As equipes da DRFVC trabalham com objetivo de identificar outros membros da quadrilha. Logo que forem identificados, serão indiciados pelos crimes em que já foi confirmada a participação da quadrilha de ´Gugu´, ´Antônio 19´ e ´Tantônio´.

Na noite da última sexta-feira, em outra operação, os inspetores da Especializada localizaram uma casa que funcionava como ´depósito´ de cargas roubadas, no bairro Castelão.

No local, os policiais encontraram centenas de produtos oriundos de ações criminosas. De acordo com o delegado Dionísio Amaral, essa foi a maior apreensão deste ano de produtos roubados e furtados.

Amaral destacou que as investigações da Especializada vão continuar com o objetivo de localizar e prender outras pessoas acusadas de fazerem parte da quadrilha de assaltantes.
Fonte: Diário do Nordeste

Um comentário:

jj do vozão disse...

q coisa feia né, só pode ser bandido mesmo em?