segunda-feira, 5 de setembro de 2011

LEGÍTIMA DEFESA: AGRICULTOR HOMICIDA MORRE AO TENTAR ESFAQUEAR POLICIAIS.

Uma bebedeira terminou de forma trágica na noite deste sábado, 3 de setembro, em Quixadá. O agricultor José Hamilton de Sousa Mariano, 46 anos, morreu após tentar esfaquear os policiais militares Olavo Fernandes Tomás e Márcio Gleik Lima. Conforme relatório do Comando de Operações Policias Militares (Copom) os policiais já haviam apreendido uma faca em poder da vítima. Inconformado, Dedé Mariano, como era mais conhecido, partiu para cima dos PMs com outra faca, tentando matar o cabo Olavo, reagindo, efetuando um disparo de pistola ponto 40. Em defesa do colega o cabo Márcio Gleik efetuou outros três disparos, com arma do mesmo calibre. Um dos disparos atingiu o tórax da vítima.

ARMAS USADA PELA VÍTIMA




O confronto ocorreu no distrito de Califórnia, a cerca de 20Km do Centro de Quixadá. A dupla PM realizava patrulhamento em uma motocicleta. O agricultor foi socorrido por um policial militar da reserva, todavia não resistiu após receber os primeiros socorros no Hospital Municipal Dr. Eudásio Barroso, onde logo se formou um tumulto. Os dois policiais se apresentaram em seguida na Delegacia Regional de Polícia Civil. O delegado Marcos Sandro de Lira lavrou um Auto de Resistência e solicitou o recolhimento das pistolas. Precisam ser periciadas para identificar de qual arma foi efetuado o disparo fatal. A vítima já havia praticado dois homicídios. Caso o policial não estivesse com o colete seria mais uma, acrescentou o delegado.


 Fonte: Diário do Sertão/CAMOCIM pOLÍCIA24HS

8 comentários:

Luíz disse...

agiram muito bem os pm´s excerto pelos outros três disparos, realmente era necessário já que o indivíduo havia levado um tiro de uma ponto 40?

Anônimo disse...

Ponha se no lugar dos pms amigo! Nao sou policial mas vc acha que um pm vendo um companheiro de trab 1 praça sofre um atentado no trab em frente de suas fusas fica tranquilo ou os nervos o fazem apertar o dedo?

Esse criminoso ja foi tarde, parabens aos pms.Continuem assim bandido desse tipo melhor eles que um pai de familia como os pms,que vale lembrar estao trabalhando,e quem protege os policiais
se nao eles mesmo por se ? vc senhor luiz?

Anônimo disse...

Sim agiram bem mais sera que um tiro não bastava, e como o compaheiro antonio disse sera que ele era mesmo um criminoso... Resumindo policial mal treinado que se quer ao menos saiba o que é um golpe de defesa. Faca éfaca Ponto 40 é ponto 40...

O Pensador disse...

TEM GENTE QUE PENSA TER OS PEITOS FORRADOS DE AÇO, SÓ PODE SER, PRA COMENTER UMA BURRIÇE DESSAS!!,ENFRENTAR A POLÍCIA NUNCA FOI BOM NEGÓCIO....

Anônimo disse...

olha o amigo ai ou nao leu ou apoia marginal por que o fulano jae era homicida! vc sabe o q e isso?Apenas vendo o lado do pm se vc fosse ele ou eu fosse ele meu amigo nessa hora o medo tambem impera e faz o cara aperta o dedo denovo

Luíz disse...

Anônimo, eu não estou aqui pra defender o bandido que morreu, mas para deixar claro o despreparo de um pm que lasca três tiro de ponto 40 num infeliz que já tá baleado no chão.
Isso é o mesmo que chutar cachorro morto, ele já tava imobilizado.
Nervosismo não combina com preparo e competência e caso você descorde (o que é direito seu) o policial não agiu da maneira correta.

Anônimo disse...

Três tiros foi pouco para esse homicida. Que vá para o quinto dos infernos.

Anônimo disse...

queria ve se fosse vc de frente com ele nessa hora!como de o ditado popular quem tem c... tem medo ou vc axa q o pm so por q treina
nao senti medo! E por isso q nossa seguranca e lei estao como estao aparece um monte de cagao como vc pra jugar e dizer q a policia ta erra da mas na hora do vamos ver vc liga pra quem???? nao so policia nas to com a pm nessa nao vale apena perder um pm jugando por causa de um bandido. ha pm ta de parabens os politicos e q sao os bocos q criam leis q protegem bandidos. quem garante a esse ze manel ai q o cara tava imobilizado com um tiro?isso revolta deixa a pm trabalhar por que um vc precisa dela !!ai vc vai qerer dar razao a pm