segunda-feira, 18 de maio de 2020

CAMOCIM-CE: APÓS DENÚNCIA, POLÍCIA MILITAR DETÉM COMERCIANTE SUSPEITO DE DESCUMPRIR DECRETO DO CAMILO SANTANA


A Polícia Militar aqui em Camocim efetuou a detenção de mais uma comerciante que está sendo acusada de descumprir o decreto governamental assinada pelo Governador Camilo Santana sobre a medida sanitária preventiva contra a proliferação do coronavírus em nosso estado. 
Era por volta das 16h de ontem, domingo 17, quando populares ligaram para o 190 informando que um bar localizado na localidade de Canoa, em Camocim, estava funcionando a todo vapor inclusive com pessoas ingerindo bebida alcoólica e jogando sinuca. Uma equipe do P.O.G. foi ao local e flagrou as cenas de descumprimento do decreto. Sem ter o que falar nem justificar o proprietário do bar confessou realmente à venda da bebida. Sendo assim, ele foi conduzido para a companhia da PM aqui em Camocim onde o caso foi apreciado pelo oficial plantonista que resolveu enquadrá-lo através de TCO com base ao artigo 268 do CPB, sendo o mesma liberado em seguida.
Art. 268 - Infringir determinação do poder público, destinada a impedir introdução ou propagação de doença contagiosa:  
Pena - detenção, de um mês a um ano, e multa.  
Parágrafo único - A pena é aumentada de um terço, se o agente é funcionário da saúde pública ou exerce a profissão de médico, farmacêutico, dentista ou enfermeiro. Omissão de notificação de doença 
Efetuaram a detenção: Sgt Flávio, Sgt Júlio e Sd Domingos
Camocim Polícia 24h

Um comentário:

Anônimo disse...

Só vendem bebidas pq todo santo dia entra na cidade o caminhão cheio de bebidas, Pq não são barrado na barreira sanitária esses caminhão da empresa Itaipava, chama, Antarctica e entre outras.
Se fosse um pai de com carnes abatidas ou peixes vindo das cidades vizinhas eles barra.