VC REPÓRTER - CONTRIBUA CONOSCO E ENVIE FOTOS E VÍDEOS

VC REPÓRTER - CONTRIBUA CONOSCO E ENVIE FOTOS E VÍDEOS

domingo, 23 de outubro de 2016

INSTITUIÇÕES UNIDAS NA LUTA CONTRA A CRIMINALIDADE EM TIANGUA


O Comando do Batalhão de Policiamento Comunitário - Ronda do Quarteirão, de Tianguá, reuniu-se na terça-feira (18) com a diretoria da Ordem dos Advogados do Brasil – Subseccional da Ibiapaba, para firmar apoio no combate à violência na cidade de Tianguá-CE.
É perceptível o aumento da violência em toda a região, sobretudo com o envolvimento de menores infratores. Conforme se concluiu, a cidade vive a mercê de poucos, porém “altamente nocivos”, menores infratores que se revezam no cometimento de assaltos e furtos de comércios e pessoas na cidade de Tianguá. Em contrapartida, em resposta aos anseios sociais, a Policia Militar local vem intensificando o combate a tal prática, elevando consideravelmente a apreensão desses menores, embora esbarrem na dificuldade institucional em afastá-los da rua e da prática delituosa.
Segundo estatística da polícia militar, os menores agem com uma assiduidade impressionante e, embora conduzidos à delegacia de polícia civil após apreensão, são liberados de imediato, retornando de pronto ao cometimento de novos delitos.
Neste contexto, em ventos opostos, o sistema de socialização estatal, falho e arcaico, nem de longe produz a reinserção social de tais menores infratores, lançando-o novamente, sem punição alguma às ruas da cidade. De igual forma, inerte se mantém o poder público em proporcionar políticas preventivas sociais, o que nos remete a uma triste previsão de que a situação pode se agravar ainda mais.
No encontro com a presidência da Ordem dos Advogados - Subsecção da Ibiapaba foi dado o pontapé inicial a um projeto de discussão acerca da problemática, inclusive firmando compromisso na tentativa de promover uma reunião entre as autoridades locais para referida abordagem, entendendo que o viés social da advocacia, com apoio e ideias, tem muito a contribuir com o enfrentamento do tema deveras urgente e que causa elevada preocupação do policiamento local.  

Fonte: Ibiapaba 24h       

Nenhum comentário: