sexta-feira, 24 de abril de 2015

POLÍCIA MILITAR PRENDE ACUSADO DE ESTUPROS EM JUAZEIRO DO NORTE.

Um homem foi preso, nesta sexta-feira (24), suspeito de ter realizado um estupro no bairro São José, em Juazeiro do Norte. Uma adolescente de 17 anos de idade compareceu acompanhada de seus pais à 20ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Juazeiro do Norte para denunciar um estupro sofrido pela mesma. 
O suspeito, identificado como Sérgio Jacome Silveira Moura,21, foi preso no município do Crato durante diligências da Polícia Militar no Centro. Uma das vítimas fez a identificação na Delegacia Regional de Juazeiro do Norte. Ele já responde por um estupro ocorrido em 2010. 
De acordo com informações do tenente PM Santos, da 5ª Companhia do 2º BPM, por volta das 18h da última quinta-feira (23), a vítima foi abordada por um homem forte de camisa vermelha que trajava calça jeans e dirigia um veículo modelo Gol de cor branca.
Segundo ela, o criminoso estava armado com um revólver e ordenou que ela entrasse no carro. Em um trecho dos bairros Frei Damião e São José, o suspeito desceu do veículo com a jovem, cometeu o estupro e, em seguida, fugiu do local. O policiamento do Ronda do Quarteirão foi acionado, mas ninguém chegou a ser identificado naquela noite.

No inicio da tarde da última segunda-feira (20), uma mulher de 26 anos também foi abusada sexualmente. Segundo a Polícia, a ação criminosa foi praticada por um homem com as mesmas características do suspeito preso e trafegando em um veículo Gol, de cor branca. Armado à faca ele abordou a mulher quando ela trafegava a pé pelo bairro Antonio Vieira. O suspeito teria levado a vítima a um matagal localizado no Sítio Santa Rosa, onde praticou o estupro.


Na tarde desta sexta-feira, Sérgio foi apresentado à Delegacia do município, onde foi ouvido e preso. Os dois casos estão sendo investigados pela Polícia Civil e também pelo Serviço de Inteligência do 2º BPM. A Polícia acredita que outros casos de estupros possam surgir após divulgação da imagem do suspeito.

Fonte: DN
Foto: Mis[eria

Nenhum comentário: