quinta-feira, 24 de maio de 2012

MISTÉRIO ENVOLVE TRIPLO ASSASSINATOEM ITAITINGA.

A Polícia tenta descobrir o motivo e os autores de um triplo homicídio ocorrido na noite de terça-feira última na comunidade de Taveira, no Município de Itaitinga, na Região Metropolitana de Fortaleza. A chacina ocorreu por volta das 21 horas, quando os assassinos invadiram uma residência, localizada na Rua Salim, e praticaram os homicídios.
O primeiro a ser baleado e morto era o jovem Francisco Darlan Nunes Medeiros, 28. Segundo a Polícia, ele tombou sem vida dentro do quarto.

Caiu ao lado da cama após ser atingido com vários tiros de pistola desfechados à curta distância.

Fuzilados
Em seguida, os matadores fuzilaram a adolescente Rayane Ferreira da Silva, 15, que trabalhava como doméstica da residência; e a dona de casa Ana Amélia Teixeira Medeiros, 57, mãe de Darlan. Aparentemente, nada foi roubado da residência, o que levou a Polícia a, no princípio das investigações, descarta a hipótese de uma tentativa de assalto.

O triplo homicídio mobilizou várias patrulhas da PM, da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e da Delegacia Metropolitana de Maracanaú (de plantão). Segundo a perícia, as vítimas não tiveram chances de defesa e foram sumariamente eliminadas. A garota teria sido baleada por ter sido usada pela patroa como ´escudo humano´.

O delegado de plantão em Maracanaú, Wagner Jorge Cavalcante, esteve no local do crime e fez as primeiras diligências. Segundo ele, mãe e filho tinham envolvimento em crimes.

Fonte: DN
CAMOCIM POLÍCIA 24hs

Nenhum comentário: