quarta-feira, 29 de abril de 2020

CAMOCIM-CE: JOVEM SACA AUXÍLIO EMERGENCIAL, FAZ FESTA EM CASA E É PRESA POR PERTURBAÇÃO DO SOSSEGO ALHEIO


Durante a tarde de ontem, terça-feira 28, policiais militares do P.O.G. prenderam uma jovem sob a acusação de perturbação do sossego alheio aqui na cidade de Camocim.  
De acordo com a polícia, era por volta das 16h quando populares ligaram para o 190 informando que em uma residência estaria havendo uma bebedeira e perturbação do sossego alheio produzido por uma caixa de som amplificada. Sem perda de tempo os pms foram ao local, localizaram a dita casa e falaram sobre a denúncia para a proprietária da residência, a qual se propôs a desligar o som mostrando que estava colaborando com a polícia. Momentos depois, outras ligações feitas novamente para o 190 informavam que com poucos minutos que a PM havia saído do local a proprietária da residência voltou a ligar o som e desta vez em um volume ainda mais alto. Imediatamente os militares voltaram ao local e desta vez deram voz de prisão a dona da casa e aprenderam o aparelho sonoro. O caso foi levado para a companhia da PM aqui em Camocim onde todo o histórico da ocorrência foi repassado ao oficial plantonista que ao analisar o caso enquadrou a mulher através de TCO em crime previsto no artigo 42 da LCP (perturbação do sossego alheio), sendo liberada em seguida.
Ainda de acordo com a polícia, no momento em que a jovem recebeu voz de prisão ela teria reclamado que não estaria fazendo nada de errado, havia sacado os R$ 600,00 do auxílio emergencial e perguntou se não podia curtir em sua própria casa com o dinheiro do Governo. 

Efetuaram  a prisãoSgt Roberto, CB Aderbal e Ernandes 
Camocim Polícia 24h 

15 comentários:

Anônimo disse...

Ahh se na Granja fosse assim tbm, tinha muito doido fudido

Anônimo disse...

Ahh se na Granja fosse assim tbm, teria muito doido fudido

Anônimo disse...

Pessoal sem noção, sai gastando dinheiro sem saber o que vai acontecer mais pra frente 🤦🏽‍♀️

Anônimo disse...

Enquanto eu q sou pai de família o único q trabalha e autônomo, parado no momento. Há meses q está em análise...

Valdinar Fernandes disse...

Um infeliz em cajueiro dos coutinhos gastou o dele nem poucos dias, obrigou até uma cachorro beber cerveja a força, eita mundo esse

Anônimo disse...

Há se ema Granja fosse assim. Tar sendo assim em quase todo lugar, nascemos pobre e vamos morrer assim. Pobre de cultura e conhecimento ...

Unknown disse...

Mt injusto nao so com vc mas com tds q precisam e ainda nao receberam

Anônimo disse...

Era bem feito se ela não recebesse mais

Anônimo disse...

Parabéns! Exemplo para o país. Esse é o Brasil que eu quero.

Anônimo disse...

O ÚNICO CRIME PRATICADO PELA MOÇA FOI A PERTURBAÇÃO DO SOM ALTO, O DINHEIRO ERA DELA E ELA TEM O DIREITO DE GASTAR COMO QUISER, PENSO ASSIM

Anônimo disse...

Pois då o teu dinheiro pra ela. Bonzao...

MARIO ALBERTO BENEDETTO LYNCH disse...

TÍPICO DA CULTURA NORDESTINA E NORTISTA É COLOCAR ALTO BARULHO E PERTURBAR VIZINHOS

O critico disse...

Se nós nordestinos vivessemos trepados nos morros de favelas tipicamente da cultura do sul onde nunca souberam sequer planejar uma cidade,nao seríamos felizer a ponto de ouvir um som alto. Aqui se tem qualidade de vida seu preconceituoso filha da puta,. E o que dizer dos bailes funk q estao acabando com o sossego dos idosos daī. Essa é a cultura de vcs. Gracas a deus essa porcaria de baile funk. Ainda nao chegou aqui pq é som de favelado. E favela se concentram no sul. Tua merda de terra...ficam loucos quando chegam aqui e veem natureza,ar puro,praias. Mas sa obrigados a voltarem pra favela do sul...

Anônimo disse...

Concordo plenamente com vc
O dinheiro é dela, Ela gasta com oq Quiser

Anônimo disse...

O dinheiro é dela e ela gasta como quiser,o problema dó brasileiro e se incomoda muito com a vida dos outros