sábado, 12 de outubro de 2019

MARINHA DO BRASIL - NOTA À IMPRENSA


Com relação ao grave acidente de poluição por óleo, ocorrido na costa do Nordeste brasileiro, a Marinha do Brasil informa que vem atuando, diuturnamente, desde a primeira ocorrência, em 2 de setembro, na contenção e neutralização dos efeitos danosos à natureza e à população, bem como na investigação quanto à origem e responsabilidades. Todas as ações são coordenadas com o MMA, IBAMA, Polícia Federal, Força Aérea Brasileira, Petrobras, além de instituições estaduais e municipais. A Marinha contabiliza a mobilização de 48 Organizações Militares, com emprego de 1.583 militares, 5 navios, uma aeronave, além de embarcações e viaturas pertencentes às diversas Capitanias dos Portos, Delegacias e Agências, sediadas ao longo do litoral nordestino. 


Após uma triagem das informações do tráfego mercante na região de interesse, a Marinha está notificando 30 navios-tanque de 10 diferentes bandeiras a prestarem esclarecimentos. A Marinha entrará em contato com as autoridades competentes dos países dessas bandeiras, com a Organização Marítima Internacional e com a Polícia Federal, visando elucidar todos os fatos. As atividades em curso também têm apoio do Ministério da Defesa e Exército Brasileiro e de instituições dos EUA. 

Marinha do Brasil: Protegendo nossas riquezas, cuidando da nossa gente 

Nenhum comentário: