sábado, 14 de setembro de 2019

POLÍCIA AFIRMA QUE TIRO QUE ATINGIU E MATOU ADOLESCENTE FOI DIRECIONADO PRO CHÃO

Segundo a Polícia Militar do Ceará, policial atirou em direção ao chão. Agente está preso.

Um adolescente de 14 anos morreu com um tiro disparado por um policial durante uma ocorrência na noite desta sexta-feira (13) no Bairro Vicente Pinzón, em Fortaleza. Segundo a Polícia Militar do Ceará (PMCE), o agente foi autuado em flagrante pelo crime e está detido no Presídio Militar. O caso ocorreu no mirante do bairro por volta das 22h30.
De acordo com a Polícia Militar, uma equipe de policiais observou "pessoas em atitude suspeita" em uma reunião de jovens na Praça do Mirante. Ainda conforme a PMCE, diante da suspeita, os policiais se aproximaram dos adolescentes para realizar uma averiguação e abordagem, quando algumas pessoas resistiram e arremessaram pedras contra a equipe de policiais.
De acordo com os outros policiais que estiveram na ocorrência, o tiro que atingiu o adolescente Juan Ferreira dos Santos foi resultado de um disparo efetuado "para o chão", conforme nota enviada pela PMCE.
Os pais de Juan Ferreira dos Santos questionam a atuação da polícia e afirmam que o filho foi atingido pelas costas, na cabeça.

Fonte: G1Ce

7 comentários:

Anônimo disse...

O trabalho da polícia é de abordagem e realizar a busca de arma, comentários alega que muito não ficaram contentes com o trabalho dos agentes, então revisaram com pedras e paus, a polícia teve que tomar uma atitude sim, e é claro, foi um incidente, agora vem os direitos humanos meter o pau na corporação, meu amigos se não quer ter truculência e nem danos maiores, é só deixar a PM trabalhar, ninguém tem um nome de bandido na testa, então eles tem sim que fazer seu trabalho, quem não deve não teme.
Deus proteja nosso guerreiros.

Unknown disse...

Concordo c vc mais e mais que justo que seja investigado imagine se fosse seu filho o senhor aceitaria a versao da polícia sem questionar.

Anônimo disse...

E se fosse teu filho?....e aí?....ficou sem palavras né certo até. Entendo que o tiro pode ter recocheteado....mais será que nesse caso o certo é de tiro pro chão?

Anônimo disse...

Nossa vc falou tudo e na vida é assim incidentes acontecem mas a mãe está despedaçada.

Anônimo disse...

Não sou perito, mais q coisa estranha um tiro pro chão e depois pegar na cabeça...

Anônimo disse...

Direitos Humanos deveria se preocupar com pessoas la na África ou ir para faixa de gasa la tem o que se preocupar ! E enquanto a Policia ele fizeram o seu dever que era de averiguar porem toda ação existe uma reação ! Se o menor tivesse em casa assistindo desenho não teria tombado ! Infelizmente o projétil ricochetiou mas, antes ele do que os guerreiros.

Anônimo disse...

A lei tem que servi pra todos,esse caso precisar ser investigado,caso seja culpado deve pagar.Não é porque a policia disse que foi um acidente que vai ser, pra isso temos os peritos.