segunda-feira, 22 de abril de 2019

MORRE EM SOBRAL UM DOS INDIVÍDUOS BALEADOS E QUE TERIAM TENTADO CONTRA A VIDA DE UM POLICIAL E SEU IRMÃO NA LOCALIDADE DE ABORRECIDO

Lucindo Ricardo Alves
Um dos baleados em confronto com um policial militar durante a madrugada de domingo, 21, não resistiu às lesões e morreu na Santa Casa de Sobral durante a manhã ainda do domingo. Lucindo Ricardo Alves tinha 34 anos e residia na Rua Carlos Tavares, bairro Apossados, o qual havia sido lesionado a bala na altura do abdômen. De acordo com a polícia, o indivíduo estaria envolvido na tentativa de homicídio contra um policial e seu irmão durante uma festa na localidade de Aborrecido, em Camocim.

Entenda
As informações repassadas ao Camocim Polícia 24h era que o policial estava em uma pequena festa no Clube do Toinho, de propriedade de seus familiares. Em determinado momento surgiram cerca de 15 indivíduos armados com foices, facões e facas, invadiram o clube e disseram para o policial que iriam matar seu irmão. O policial se identificou e tentou apaziguar a situação, no entanto os indivíduos não cessaram. O policial ainda edu um tiro pra cima como sinal de advertência mais mesmo assim os indivíduos partiram pra cima, foi então que não viu outra saída e teve que disparar contra eles, baleando três, dentre eles dois irmão já conhecidos da polícia.  
Socorridos  
Com o apoio do policiamento de serviço, os três indivíduos foram socorridos para o HDMA e em seguida para a Santa Casa de Sobral. Na delegacia o policial de folga, seu irmão e várias testemunhas foram ouvidas pelo delegado que entendeu que a ação foi em “legítima defesa” e resolveu autuar os três baleados por tentativa de homicídio contra o policial de folga. Vale ressaltar que o policial ainda foi lesionado a golpes de facão no braço e corre o risco de perder os movimentos nos dedos. Facas, foices e facões que estaria com os indivíduos foram apreendidos pelo policiamento.
Os outros baleados

Os irmãos Daví da Silva Ricardo, residente na Rua Carlos Tavares, bairro Apossados, o qual foi lesionado na perna esquerda e seu irmão Ravi da Silva Ricardo, 22 anos, residente na Rua Carlos Tavares, bairro Apossados, estão fora de perigo de morte. Davi já recebeu alta médica e será ouvido na DPC de Camocim. Ravi passou por uma cirurgia e continua internado, mais sem perigo de morte. Ambos serão encaminhados para um presídio após receberem alta médica e forem ouvidos na delegacia.

Camocim Polícia 24h

12 comentários:

Anônimo disse...

Se o ladrão for achado roubando, e for ferido, e morrer, o que o feriu não será culpado do sangue.

Êxodo 22:2

Anônimo disse...

Eles foram socorridos pelos profissionais da UPA,ao chegar na UPA eles foram transferidos para o HDMA.se não fosse os profissionais da UPA eles teriam ficado lá mesmo.

Anônimo disse...

Ravi safado tua hora vai chegar...Tu vai morrer.

Anônimo disse...

Verdadeiramente legível O vecículo🙌🙏!o cidadão de bem"poder se defender até porque tá também na lei do homem constituição federal

Anônimo disse...

Verdadeiramente legível O vecículo🙌🙏!o cidadão de bem"poder se defender até porque tá também na lei do homem constituição federal

Anônimo disse...

E verdade que morreu 2

Anônimo disse...

Carinha q ameaçou, Passe seu WhatsApp meu chapa, bora resolver isso, ou quer ir na ameaça mnw, qualer?

Anônimo disse...

Deixa de ser otario

Anônimo disse...

Ameaça mnw, fika ai na tua, Mais passa ai o WhatsApp pra noiz tratar disso

Anônimo disse...

Safado e tu

Anônimo disse...

se fosse um cidadão a paisano esse vermes tinha matado como era um heroe mandou foi bala nesses malditos

Anônimo disse...

Vão procurar trabalho comida pro seus rabo seus vermerme maldito deses vagabundo aí tão guardado seus verme bando de lava de bicheira