quinta-feira, 11 de abril de 2019

BARROQUINHA-CE: PM’S DO RAIO DE CAMOCIM APREENDEM REVÓLVER E PRENDEM MARIDO DE MULHER MORTA. INDIVÍDUO NEGA ENVOLVIMENTO NO CRIME


Após o crime de homicídio a bala ocorrido em Barroquinha por volta das 17h de ontem, quarta-feira 10, que teve como vítima uma mulher identificada como Francisca Cordeiro da Silva, 32 anos (AQUI), policiais militares de toda a área iniciaram as buscas pelo principal suspeito, um menor de 16 ou 17 anos. As informações eram que após ter cometido o crime o menor teria fugido em um veículo Ford Fiesta de cor prata que pertence ao esposo da mulher morta.

Arma apreendida

Durante as diligências em Barroquinha, a equipe da viatura Raio 055 tomou conhecimento através de denúncias que o cigano José Odair Cavalcante, 39 anos, esposo da vítima, mantinha uma arma de fogo dentro de sua casa e que possivelmente poderia ter ligação com a morte da esposa. Os pm’s foram ao local para averiguar os informes e o homem permitiu a entrada na casa. Foi feita buscas no local onde foram apreendidos 18 cartuchos de calibre 38 /  28 cartuchos de pistola .40 / 21 cartuchos de pistola 9mm / 01 cartucho de pistola .380 / 01 cartucho de .45 e um revólver calibre 38 de marca Rossi.
Diante do exposto, o mesmo foi conduzido a delegacia de Jijoca e lá negou qualquer envolvimento no homicídio de sua esposa. O delegado plantonista analisou o caso e resolveu autuá-lo somente no artigo 16 do estatuto do desarmamento, que dispõe sobre a posse de arma ou acessórios de uso restrito.


Francisca Cordeiro da Silva, 32 anos, morta a bala
Diligências no Piauí

Uma equipe da 3ªCia/3ºBPM sob o comando do Major Eduardo adentrou o Estado do Piauí, pois havia a informação que o menor havia fugido no Ford Fiesta para o Estado vizinho. O veículo foi localizado no município de Cocal dos Alves-PI. Em contato com os familiares do menor acusado, os pm’s ouviram a versão extraoficial sobre o caso.

Versões extraoficiais

O crime teria sido passional de acordo com os familiares do menor, os quais teriam dito que o mesmo mantinha uma relação amorosa com a vítima. Ele teria lhe convidado para fugir e como ela não havia aceitado a proposta o menor teria resolvido mata-la. Essa foi a versão que o Major Eduardo teria ouvido dos familiares. Ainda de acordo com o oficial, o menor já teria cometido um homicídio no Piauí e também estaria sendo procurado pela polícia do outro Estado.
Apesar da versão acima, a polícia também não descarta a participação direta ou indireta do marido da vítima, o qual está preso somente pela posse ilegal de arma de fogo e não pelo crime que vitimou Francisca Cordeiro da Silva. Existe também relatos que o crime poderia ter sido cometido a mando de um traficante bastante conhecido que age em Barroquinha. O certo é que todas as informações a cerca do homicídio já estão com a Polícia Civil que deverá dá prosseguimento aos trabalhos e elucidar este crime bárbaro.

Camocim Polícia 24h

5 comentários:

Anônimo disse...

MATÉRIA DETALHADA E ESMIUSSADA É SÓ AQUI MESMO, S OUTROS PODEM ATÉ OPIAR MAIS SÓ VOU FICAR INFORMADO AQUI NESSE BLOG. PARABÉNS AO POLÍCIA 24 HRS

Anônimo disse...

MATÉRIA DETALHADA E ESMIUSSADA É SÓ AQUI MESMO, S OUTROS PODEM ATÉ OPIAR MAIS SÓ VOU FICAR INFORMADO AQUI NESSE BLOG. PARABÉNS AO POLÍCIA 24 HRS

Anônimo disse...

Vixi, o cara estava armado até os dentes

Anônimo disse...

Feminicidio só cresce aqui no Estado do Ceara e no Brasil e nada se faz pra acabar ou diminui para que as mulheres seja mortas por exs-Maridos,Namorados ou amantes

mad max disse...

o cara pussuia varios tipos de municoes com certeza essas outras armas devem estar escondidos ou na mao de comparssas deve ser uma quadrilha