VC REPÓRTER - CONTRIBUA CONOSCO E ENVIE FOTOS E VÍDEOS

VC REPÓRTER - CONTRIBUA CONOSCO E ENVIE FOTOS E VÍDEOS

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

CAMOCIM-CE: POLÍCIA MILITAR APREENDE A 3ª ARMA DE FOGO SOMENTE NO FINAL DE SEMANA NA ÁREA DE CAMOCIM E REGIÃO

Três revólveres foram apreendidos pela Polícia Militar somente este final de semana na área de Camocim e região.

Policiais militares do destacamento de Granja prenderam um idoso e apreenderam uma arma de fogo no distrito de Guriú, zona rural de Camocim.
Era por volta das 20h00 de domingo, 19, quando uma ligação feita ao 190  dava conta que populares haviam detido um idoso de 82 que estava armado com um revólver na Praça da Matriz daquele distrito.
Uma equipe do destacamento de Granja foi ao local e encontraram os populares que detiveram o idoso. A arma foi entregue aos populares, um revólver calibre 22 , capacidade para 07 tiros, com 07 cartuchos intactos. Os policiais foram informados que o idoso Manoel Neto Araújo estava em completo estado de embriaguez e armado com a dita arma quando populares o detiveram e tomaram a arma. Diante dos fatos os pm’s conduziram o idoso até a DPC de Camocim onde o caso foi apresentado ao delegado Fábio, o qual realizou fez um B.O. registrando o ocorrido e instaurou um inquérito por portaria para apurar o fato.

Atenderam a ocorrência: Sgt Fontenele e Sgt Gledson
Camocim Polícia 24h

4 comentários:

Anônimo disse...

é a arma estava não mão de um cidadão né sabemos que não podemos andar armado só os bandidos podem

Anônimo disse...

posso ver um cidadão e com des revever nuca faria uma coisa dessa

Anônimo disse...

se fosse um traficante que tiversse exibindo armar não teria um para fazer o que fisseram mais como era um velho enbriagado fizeram iso, não que eu acho que esta serto o sr andar armado bebendo, isso ai e a bandidagem que esta de mais ai o cidadão e obrigado a tentar se defender de outra maneira

Anônimo disse...

A população unida tem força não tenha medo de fazer denúncia pois é através dela que podemos salvar vidas.