terça-feira, 5 de janeiro de 2016

POLICIAL MILITAR SOFRE TENTATIVA DE HOMICÍDIO EM MONSENHOR TABOSA

Policiais militares foram enviados para uma ocorrência de vias de fato, na Rua 20 de Janeiro, no bairro Alto da Boa Vista, em que o acusado Berneval Rodrigues Pahé embriagado e fora de controle havia lesionado à faca as vítimas Regilane Pereira Martins (Vulgo Dequete), de 26 anos; Dione da Silva Sousa (Vulgo Dione Batata), de 24 anos, e Elenir Sampaio da Silva, de 45 anos.
Chegando na referida rua, o policial Sd PM Vieira verbalizou para que o acusado soltasse a faca, porém, não obteve êxito. O acusado partiu em direção ao policial que deu um tiro de advertência para cima e entrou em luta corporal com o mesmo; Kelson, filho do acusado, ao ver o pai em luta corporal com o policial tentou intervir, mas o policial Sd PM Delfino impediu, prosseguindo o soldado ao tentar tomar a faca sofreu uma perfuração no ombro direito, e ainda escoriações no braço direito e coxa esquerda devido a luta corporal, nesse momento fora usado o Spray de pimenta no acusado que continuou resistindo, então seguindo o uso progressivo da força o policial efetuou um segundo disparo dessa vez na coxa esquerda do acusado na intenção de neutralizar definitivamente.

A vítima Regilane (Vulgo Dequete) sofreu uma perfuração na virilha, O Dione (Vulgo Dione Batata) um corte no pulso direito e a Elenir uma perfuração nas costas, sendo todos socorridos no hospital municipal de Monsenhor Tabosa, em seguida vítimas e acusado foram conduzidos para a delegacia de Crateús para os devidos procedimentos. Sendo o acusado atuado em flagrante pelo crime previsto no Art. 121, § 2º incs. VII C/C Art. 14 Inc. II do CP.
Enquanto as vítimas eram atendidas no hospital, uma grande aglomeração de curiosos se formou do lado de fora. Ao tomar conhecimento de que um policial havia sido ferido, composições de cidades vizinhas se deslocaram para dar a poio aos colegas em Monsenhor Tabosa.
Uma rixa teria motivado as agressões. O policial Thaylone Carvalho Vieira, de 29 anos, natural de Fortaleza, passa bem.

A equipe da Policial Militar responsável pela ocorrência: Sd. PM Vieira, Sd. PM D. Silva, Sd. PM Delfino.


Fonte: Página Aberta / Monsenhor Tabosa

Nenhum comentário: