segunda-feira, 10 de agosto de 2015

BOCAS AMORDAÇADAS: JOVENS PEDEM JUSTIÇA PARA O CASO "GLAYDSON CARVALHO".


Nas redes sociais, segue o apelo por justiça no caso do assassinato do radialista Glaydson Carvalho. A Pastoral da Juventude de Camocim, postou no Facebook uma foto  de seus membros com as bocas amordaçadas e segurando cartazes com as palavras "democracia, liberdade e Justiça já !" 
Vários internautas também se manifestaram: "#somos todos Glaydson Carvalho". 
O Radialista foi brutalmente assassinado com tiros na cabeça dentro do estúdio da Rádio Liberdade em Camocim, no momento em que apresentava seu programa Jornalistico.

A morte de Glaydson ganhou repercussão mundial.  Até o momento, um casal foi preso em Senador Sá sobre suspeita de envolvimento no crime.  As policias Militar e Civil estão em campo em busca de capturar os criminosos que efetuaram os disparos e seus mandantes.

Fonte: Revista Camocim

13 comentários:

Anônimo disse...

Não basta lacrar a boca é preciso uma força tarefa, cobrem do ministério publico e da policia civil uma investigação seria>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>

Anônimo disse...

É louvável a atitude destes adolescentes em prol deste caso clamando por justiça,precisamos se juntar, todos sem exceção no proposito de que a justiça seja feita.Apelamos para o Ministério Publico de nossa cidade,senhor Promotor de Justiça peça intervenção da Polícia Federal neste caso.

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...

Estamos todos aflitos a espera de novas notícias... Que esses assassinos sejam logo pegos e que toda verdade apareça... Queremos justiça isso não vai ser mais um caso... qualquer noticia por favor postar...

Anônimo disse...

cera que quem mandor fase isso, vai preso , acho que n

Anônimo disse...

Todo tipo de mobilização e importante num momente desse mas nos sociedade não devemos nos limitar somente nisso, alguma instituição organizada tem que urgentemente solicitar a intervenção da policia FEDERAL no caso, tudo estar muito estranho, pq todos não fugiram, ou pq pegaram somente logo os dois que não participaram diretamente do crime!!!

Anônimo disse...

Não conheci e nunca vi pessoalmente o Glaydson, apenas ouvia ele ocasionalmente em seus programas pela rádio liberdade, mas confesso que estou indignado, estarrecido e revoltado Com tanta crueldade e perversidade que fizeram com esse rapaz, em pleno exercício de sua atividade profissional. As polícias de Camocim, militar e Civil precisam continuar incansavelmente com as diligências e investigações até botarem detrás das grades esses marginais covardes e perversos que executaram, bem como aqueles que arquitetaram e mandaram matar esse indefeso radialista.

cobra naja disse...

Sou de Maceió-al, mais fiquei triste e revoutada com essa tragédia, que Deus ilumine a justiça pra encontrar essas monstros..

Anônimo disse...

Preciamos o fbi entre no casa

Anônimo disse...

Gente não vamos deixar o CASO GLAYDSON cair no esquecimento! Vamos fazer com que chegue até o governador, que já pediu empenho caso, que a população não aceita mais ser enganada. Está muito estranho tudo isso, ninguém fala nada, não foi divulgado os depoimentos do casal que foi preso. O blogueiro Felipe Mardey, cadê o depoimento dele? Cadê o delegado pra dar uma explicação? São muitas interrogações, o delegado precisa se manifestar!

Anônimo disse...

caso as policias prendam todos os acusados e ao final das investigações a PC não aponte o verdadeiro mandante, a morte do radialista sera em vão e abri procedente para outros casos semelhantes acontecer devido a impunidade!!! Sociedade clama por justiça!!!

Anônimo disse...

Caso já encerrado, ou seja IMPUNE...ABSOLUTA CERTEZA.

Anônimo disse...

A população espera respostas a respeito do assassinato do radialista Glaydson Carvalho. Queremos os mandantes e os mandados atrás das grades para que paguem por este crime tão bárbaro! Há dias não ha mais nenhuma notícia sobre o caso, a população quer acompanhar de perto as investigações. Precisamos de notícias, necessitamos saber q incessantemente as autoridades estão trabalhando para fazer JUSTIÇA. Não aguentamos mais este silêncio q há dias nos atormenta!!!