sexta-feira, 16 de maio de 2014

BANDIDO CONFESSA QUE MATOU JOVEM PARA ROUBAR CELULAR E DEPOIS FEZ SEXO COM O CORPO.

Ismael confessou ter matado Dayara, de 22 anos, e depois feito sexo com o corpo

Policiais civis da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), sob o comando do delegado Paulo Martins, prenderam, por volta das 18h, desta quarta-feira,15 de maio de 2014, na avenida André Araújo, no bairro do Aleixo, Zona Centro-Sul de Manaus, Ismael da Costa de Farias, 29 anos de idade.
Ismael foi preso após ser expedido um mandado de prisão preventiva pela juíza plantonista do Tribunal de Justiça do Amazonas, Sanã Nogueira Almendros de Oliveira.
Segundo a delegada adjunta da DEHS, Geórgia Gomes, Ismael matou, por volta das 04h da manhã, Dayara Araújo de Oliveira, 22 anos, no dia 20 de abril deste ano, na rua Conde de Tocantins, no Parque das Laranjeiras, também na Zona Centro-Sul.
A jovem assassinada estava dormindo, quando o acusado pulou a janela para furtar o aparelho celular da vítima, que acordou e o viu. Ismael então lhe desferiu um soco na boca e depois a estrangulou com um fio de energia elétrica da casa.

Ismael confessou ter matado Dayara, de 22 anos, e depois feito sexo com o corpo

O criminoso morava ao lado da casa da vítima e é acusado de fazer vários assaltos nas residências próximas para poder comprar drogas e consumi-las nas redondezas.
Policiais da DEHS interrogaram o acusado três vezes e descobriram que Ismael havia vendido o celular da vítima para o seu chefe num posto de lavagem.

Policiais realizaram diligências e encontraram o telefone, mesmo assim Ismael continuava negando o crime. Em razão disso, a polícia solicitou que ele fizesse exame de DNA no Instituto de Criminalística (IC), tendo os peritos encontrado sêmen no corpo da vítima.

Dayara foi estrangulada pos Ismael depois de surpreendê-lo dentro de casa

Para surpresa do delegado Paulo Martins, Ismael pagou a quantia de R$ 50,00 para que um amigo seu, Jonas Vieira Teixeira, 25 anos, também viciado em drogas, fizesse o exame no seu lugar.
Os investigadores foram ao IC e descobriram que a foto do prontuário da pessoa que fizera o exame não era de Ismael, e sim de outra pessoa parecida com ele. "Diante disso, solicitamos a prisão preventiva dele, que foi prontamente decretada pela Justiça, e no seu quanto interrogatório ele confessou o crime", contou Paulo Martins.

Jonas recebeu R$ 50,00 de Ismael para fazer exame no lugar dele (Fotos: Divulgação / Polícia Civil)

Paulo Martins relatou, ainda, que Ismael confessou que teve relações sexuais com a vítima quando ela já estava morta.

Via Sobral 24 horas

11 comentários:

Anônimo disse...

Um grande canalha. Se fosse nos Estados Unidos, ia comer cadeira elétrica.

Anônimo disse...

Mas se este safado pegar uns tapas cai direitos humanos em cima, merecei era ser condenado prisão dos pés juntos, quanta crueldade.

louco por uma justiça justa.

Anônimo disse...

Mas se este safado pegar uns tapas cai direitos humanos em cima, merecei era ser condenado prisão dos pés juntos, quanta crueldade.

louco por uma justiça justa.

Anônimo disse...

vagabundo decedai era para fazer a mesmo jeito com eli

francisco wilson de oliveira disse...

o nome disso é lixo humano não tem recuperação.

Anônimo disse...

Isso foi "defecado" para fazer o mal!!!

Anônimo disse...

Ordinario merece cadeira eletrica.

ALMA disse...

DEUS que o SENHOR nos guarde e nos proteja! Amém!

ALMA disse...

DEUS que o SENHOR nos guarde e nos proteja! Amém!

ALMA disse...

DEUS que o SENHOR nos guarde e nos proteja! Amém!

ALMA disse...

DEUS que o SENHOR nos guarde e nos proteja! Amém!