sexta-feira, 31 de maio de 2013

QUADRILHA EXPLODE BANCO DO BRADESCO EM PALMÁCIA-CE.

Uma quadrilha composta por cerca de oito homens atacou, no começo da madrugada de ontem, a cidade de Palmácia, na região do Maciço de Baturité (93Km de Fortaleza) e explodiu os caixas eletrônicos da agência do Bradesco, no centro comercial daquele Município.
O grupo utilizava armas longas, possivelmente escopetas e fuzis, mas não fez nenhum refém. Ninguém ficou ferido e a Polícia afirma já ter pistas dos criminosos.

A quadrilha, conforme foi levantado pela PM, teria chegado à cidade de Palmácia em dois automóveis e duas motocicletas. O grupo se dirigiu diretamente para a agência do Bradesco e colocou os explosivos nos caixas. A detonação dos artefatos causou sérios danos à agência. A Polícia não sabe, ainda, se os ladrões conseguiram roubar o dinheiro dos equipamentos.



A explosão da dinamite dentro da agência provocou a completa destruição do prédio. A Polícia não sabe, ainda, se os ladrões conseguiram levar o dinheiro


Concretizado o crime, a quadrilha tratou de fugir da cidade e, nesse momento, realizou diversos disparos. Os tiros atingiram a fachada da agência dos Correios, que fica próxima ao Bradesco. No prédio funciona também uma representação do Banco do Brasil (banco postal), mas os ladrões não se interessaram em invadir o segundo prédio. Preferiram fugir rapidamente nos quatro veículos. Horas depois, um dos carros foi encontrado abandonado, atravessado e incendiado em uma estrada vicinal na localidade de Sítio Goela, já no Município de Redenção (64Km da Capital). Tratava-se de um Palio Weekend, de placas OHX-0363 (CE).

Buscas
Ainda durante a madrugada, o assalto foi comunicado ao Comando do Policiamento do Interior Sul (CPI/Sul), que acionou diversas patrulhas das cidades do Maciço de Baturité, como Mulungu, Guaramiranga, Baturité, Acarape, Redenção e também o 4º BPM (Canindé).


Na fuga, os criminosos incendiaram um Palio Weekend. O automóvel ficou atravessado numa estrada de terra, no Município de Redenção Fotos: Kiko Silva


De Fortaleza, seguiram equipes da Coordenadoria Integrada de Inteligência (Coin) da secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), e do Batalhão de Polícia de Choque.
Até a noite passada, as buscas continuavam, mas ninguém havia sido capturado na região.

Prisão
Já na zona Norte do Estado, a PM prendeu, na localidade de Padre Linhares, em Massapê (272Km de Fortaleza), um suspeito do assalto ao BB de Coreaú, na última segunda-feira. 
Fonte: DN

4 comentários:

Anônimo disse...

Tá virando moda explodir caixa eletronicos no estado do ceará , e quem acaba no prejuizo somos nós , até quando isso vai continuar?

Alberto t disse...

Eita q a badidagem tem muita proteção dos gravatas, também pudera, tudo é na base do cabo racha.

Anônimo disse...

A COISA ESTA FICANDO PRETA EH!!!,LADRAO ROUBAM TODO DIA AGORA É,MAS TAMBÉM UM DESTACAMENTO COM APENAS 3 OU 5 POLICIAIS E OS BANDIDOS VEM COM 10 OU 15 HOMENS...É A VIOLENCIA E OS ROUBOS CRESCENDO..QUANTAS EQUIPES ESSE GRUPO DO COTAR TEM EH!!!

Alberto t disse...

Seu anônimo, o problema é q eles, bandidos, já sabem qual vai ser o resultado, se muito for preso, já tem de plantão aquela galera q recebe a metade do lucro e manda os bandidos agir novamente e assim continua a vida deles, q vida boa desses bandidos, melhor q as nossas em?