ANUNCIE CONOSCO E GARANTA JÁ O SUCESSO DO SEU NEGÓCIO

ANUNCIE CONOSCO E GARANTA JÁ O SUCESSO DO SEU NEGÓCIO

sábado, 9 de março de 2013

EX-PM E EMPRESÁRIO ABASTECIAM QUADRILHA DE TRAFICANTES EM GRANJA.


Confira o nome dos líderes e de todos os presos
Um ex-policial militar e um empresário do ramo de combustíveis abasteciam a quadrilha de tráfico de drogas desarticulada pela operação “Depurare” na cidade de Granja (Zona Norte do Ceará), na noite da última quinta-feira, 7. A informação foi divulgada ontem pelos órgãos envolvidos na operação: Delegacia de Narcóticos (Denarc), Ministério Público do Estado (MP/CE) e Promotoria do município.

Na ação, um adolescente foi apreendido e 26 pessoas foram presas, cinco das quais de uma mesma família paraense, acusada de gerenciar o comércio de entorpecentes na região. Mais quatro integrantes estão foragidos. Outras frentes de ação serão realizadas pelos três órgãos.
Os perfis dos primeiros detidos foram divulgados ontem, em coletiva a imprensa. Quase todos tinham passagem pela Polícia. Parte da maconha e do crack vendidos em Granja por Antônio Nilson do Amaral de Sousa, o Júnior Roco, vinha de Fortaleza, segundo as investigações. O ex-sargento José Erisbelto de Aguiar Monteiro, conhecido como Nenem, é acusado de fornecer os produtos. O militar foi expulso da PM justamente por tráfico. Chegou a ser preso em 2004, mas estava em liberdade.

Polícia Civil apresentou ontem o material apreendido com a quadrilha. Prosseguem as buscas pelos quatro foragidos e outras frentes de ação serão realizadas em mais cidades

Roco é apontado como o líder do bando de Granja, ao lado do irmão, Adriano do Amaral de Sousa, o Didi. A mãe, Hilda Francisca do Amaral de Sousa, a Hilda Furacão, é acusada de esconder dinheiro e armamento numa casa a 40 km da cidade. Conforme as investigações, Roco também recebia apoio da irmã Antônia Bruna do Amaral de Sousa e do irmão Adeilson do Amaral de Sousa.
Já a cocaína comercializada por Roco e Didi teria origem em Novo Oriente. O esquema funcionava assim, segundo a Polícia: Antônio Marcelino do Nascimento Filho, o Careca, recebia entorpecentes do patrão, o empresário José Aroldo Ximenes Coutinho, e repassava-os aos irmãos, que mantinham um comércio como fachada. Aroldo tem duas passagens pela Denarc (2004 e 2007) e uma pelo extinto Carandiru (SP).
Segundo o titular da Denarc, delegado Pedro Viana, Roco revendia droga para pelo menos quatro municípios cearenses: Barroquinha, Camocim, Tianguá e Jijoca de Jericoacoara, onde o acusado de chefiar o tráfico no município - Façanha Torres da Cunha - foi preso. Outras localidades estão sendo investigadas.

Roco teria contado com o apoio de assaltantes de bancos e até de um padeiro camocinence. Ele responde por dois latrocínios. “O Roco era muito temido. Mandava e desmandava em Granja. A população comemorou (a prisão). E ele também traficava armas. Mas a quadrilha tem mais do que esses presos”, cita Viana.
ENTENDA A NOTÍCIA
As investigações da Polícia Civil duraram cinco meses e iniciaram por provocação do MP/CE. As prisões foram efetuadas em Fortaleza, Itarema, Jijoca de Jericoacoara, Granja, Camocim, Barroquinha, Tianguá e Novo Oriente. 
Saiba mais
Os presos: José Batista Maia (Amnésia), Daniel Benício Meneses (Niel), Jadson Rafael de Lima (Rafael Pernambuco), José Erisbelto de Aguiar (Nenem), Elinardo Ferreira da Silva (Pica-pau), Ramilson Geovane Pereira (padeiro de Camocim), Antônio Nilson do Amaral (Didi), Antônio Marcelino do Nascimento Filho (Careca), Erilene de Sousa Ferreira (Leninha), Samara Custódio da Costa, Antônio Leandro Monteiro da Costa, André Luís Ferreira, Façanha Torres da Cunha, José Aroldo Ximenes, Antônia Bruna do Amaral de Sousa, Rosemery Ferreira da Rocha, Adeilson do Amaral de Sousa (Capote), Márcio Sales de Moraes (Mocó), Maria do Livramento Tomaz (Menta), Benedito Clementino (Gordo), Hilda Francisca do Amaral de Sousa (a Hilda Furacão), Manoel de Jesus Pinto (Régis Raposo), Carla Rachel Ribeiro, José Wellington de Freitas (Pivete) e José Geovani de Freitas (Chumbo). 
O nome do jovem não é revelado em cumprimento ao Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). 
Serviço
Denúncias de tráfico de drogas podem ser feitas em dois canais
Ciops: 190
Denarc: 3101 7359 
Números
27 pessoas foram detidas por envolvimento na quadrilha chefiada por Roco. Dentre elas, um adolescente de 17 anos. 
R$ 2 milhões foram movimentados na conta do empresário preso. Segundo a Polícia, ele enviava droga de Novo Oriente para Granja por um empregado do posto de gasolina do qual era dono. 
Os líderes
José Erisberto, Ex-PM, acusado de comprar droga em Fortaleza e revender para Roco, em Granja.
José Aroldo. Dono de posto de gasolina e madeireira, acusado de repassar cocaína de Novo Oriente para Granja.
Júnior Roco. Acusado de chefiar o tráfico em Granja. Segundo a Polícia, tinha um comércio de fachada e contava com o apoio de três irmãos e da mãe.
Fonte: O POVO


21 comentários:

Anônimo disse...

Como dizia minha mãezinha, o cão tem uma mão tapada e a outra furada, agora eles caíram na furada, eles conseguem enganar por algum tempo, mas não por todo tempo...parabéns pela investigação da polícia civil, só resta saber agora, se vão passar um bom tempo presos.

Anônimo disse...

Graças a Deus, Granja volta a ser uma cidade tranquila, sem o roco no comando da cidade.

Sabino disse...

Até nós aqui de Granja ficamos estarrecido, sabíamos que essa quadrilha era forte, mais não com essa magnitude.
Só temos a agradecer aos policiais de Fortaleza que vieram e fizeram o serviço. Parabéns!

Anônimo disse...

Jericoacoara precisa de uma operação dessas,URGENTE.

Anônimo disse...

JA,JA APARECE UM SUBSTITUTO

Camocim Polícia24hs disse...

As fotos dos acusados não foram postadas porque não as conseguimos de nenhum deles nem a imprensa divulgou, este é o motivo.

Anônimo disse...

ve se conseguem fotos do roco, ou cara falado

Carlão Polícia disse...

Parabéns nobres Policiais!

Anônimo disse...

os taxistas e mototaxistas de Granja q se cuidem ok

Anônimo disse...

Belo trabalho desses policiais envolvido nesta operação, que parece ser a maior do Estado do Ceará de todos os tempos.

Anônimo disse...

Quando a polícia quer faz. Parabéns. Vamos lá Delegado Hebert de Sobral, siga o exemplo de seus colegas.

Anônimo disse...

os mototaxis da Granja devem ta muito preocupados ne gente,els sao uns profissionais em ir deixar os pacotim nas bocas e trazer das bocas para distribuir

Anônimo disse...

Não mim alegro com todo esse trabalho e em consequência a prisão desses bandidos, pq já já eles voltam prás ruas e com muito mais força, pq prá eles tudo foi pago e q nunca mais serão perseguidos, esta é a verdade nua e crua, pq aqui nessa porcaria de Brasil, bandido nunca e jamais será punido, agora se essa bandidagem ficassem uns 40 anos presos, aí eu dava a mão a palmatória, mas por enqto, duvido q enfraqueça ou quebre essa quadrilha q repito em dizer, já já estão todos livre, leve e solto, hajavista uma porção deles aí são condenados pelo mesmo crime e no entanto tá solto, aqui é Brasil desmoralizado do PT do Luladrão.

Anônimo disse...

Ta na Hora de começar a investigar os ricos fajutos de Camocim, todo mundo sabe quem são

Anônimo disse...

Ei meu caro amigo ... pq chamar o nosso ex-presidente de ladrão se tu não pode provar! Lula é exemplo de como se gorverna um país! roubar todos roubam ok...

Anônimo disse...

gostei desse ta na hora da denark fazer uma investigaçao nos ricos fajutos de camocim porque tem bandidagem alta na cidade e ficam se fazendo de bonzinho (e outra o cara que mandou matar um jovem em praça publica em camocim ainda ta abastecendo a cidade de drogas e ai a justiça eu em?

Anônimo disse...

nesse camocim ñ tem nada pois so vejo é viciado se mal dizendo que ñ tem nada na cidade ,como é que vai ter se derrubaram os distribuidores que chefiava o trafico em camocim e outras cidades acabou,se so em fortaleza mesmo que ñ falta

Anônimo disse...

Meu povo é preciso entender que só pode pegar traficante assim com uma investicgação a fundo com pessoas extranhas ...

o povo de fortaleza disse...

que pena que penderão uma pessoa inocente,uma mãe de famila,quer vivia do trabalho para casa e sua igreja,dedicou sua vida toda para deus ,hoje se emcrontra em uma cituação dessa mais uma vitima ,inocente que vai pagar pelos os pecadores,senhor juiz olhe o caso de carla rachel ribeiro da silva,uma pessoa boa honesta,quer só vivia da igreja para sua casa e trabalho e seu filho.solte o mais rapido porssivel o filho dela esta esperando por ela,analise esse caso com cuidado para quer voce senhor juiz não faça injustiça com uma mulher inocente,assi toda a populaçao de fortaleza que qui oramos ,para quer deus toque seu cora ção eo senhor anasile esse caso com muito cuidado para não cometer o maior erro da sua vida,condenar uma mulher inocente ,oramos todos pela irm~carla rachel ribeiro que foi mais uma vitima.senhor juiz termos fe pela sua determinação que o senhor juiz tenha siba decisão.a gradecemos por esse espaço.

o povo de fortaleza disse...

senhor juiz de direito queremos que o senhor analizase com muita atenção o processo da reu Carla Rachel Ribeiro ,mais uma pessoa inocente quer foi vitima de algum inesperado,que destruiu toda sua vida ,toda seo conviveu com a sociedade,uma pessoa honesta,generosa simples,etc,não merecer estar nessa situação quer ela esta passando,presa pela uma coisa quer não cometeu senhor juiz anasile com muita cautela o processo dela que o senhor seja justo com sua decisão analisando os fatos o senhor vai ver quer realmante tudo isso quer estou lhe escrevendo e verdadeiro,solte essa mãe de familia,de a ela o direito quer ela ja tinha quer era a aliberdade converse com ela quer o senhor vai ver nos olhos dela que ela falar somente a verdade.não e justo uma pessoa inocente ser cupado pela uma coisa quer ela não cometeu.cupe os cupados e solte uma inocente devilva aliberdade dessa mãe de famila quer quer esta agora ao lado do seu filho,paea quer comerce a sua rotina normal para voltar para seu trabalho,sau religião.senhor jiuz olhe esse caso com muito cuidado para não fazer injustiça com uma pessoa inocente

o povo de fortaleza disse...

ao senhor delegado dr pedro viana olhe com cuidado o caso da reu Carla Rachel Ribeiro mais uma vitima,mais uma pessoa inocente presa,pagando um crime quer não foi cometida pela reu, o senhor já sabe quem são os culpados ,os responsaveis pelo ato criminoso quer veio prejudicar uma pessoa inocente,uma passoa honesta,generosa,de carater e personalidade forte,faça uma sindicanse para investigar a vida da reu quer foi presa injustamento no lugar do marido,o senhor achar isso correto uma pessoa pagar pelo ato criminoso do outro,senhor juiz analise o caso da reu e verifique qual elo que a reu tinha com essas pessoas quer praticaram o ato criminoso o senhor vai ver quer não vai ter nenhuma ligaçao,dela com nenhum desas pessoas quer estão sendo investigada,quer deus orem muito para voces q e quer troque nos seus coração e ilumine a verdade quer esta na frente de voces e não querem enchegar a verdade.a reu sendo uma pessoa envangelica,quer trabalha de carteira assinada,quer vive para seu filho,como uma pessoa dessa e vitima de ato tão desagradavel,e injusto,vai passar a vida dela presa pro contra de um mal entendido,estava em sua casa dormindo,e agora se ver nessa situação tão dificil,senhores sabedor da lei pro favor analise o caso da Reu Carla Rachel Ribeiro,com muita cautela para quer não venha lhe perjudicar na sua vida associedade