terça-feira, 12 de março de 2013

EM GRANJA, DUPLA APLICA "GOLPE DO BALUDO" E LEVAM R$ 2.450 DE MULHER DE 51 ANOS


A PM da cidade de Granja procura dois estelionatários que aplicaram um golpe conhecido como “golpe do baludo”. Nesse golpe a vítima é enganada ao tentar receber uma recompensa.
A realidade é que apesar dos alertas e das orientações repassadas pelas autoridades ainda existem pessoas “displicentes” o suficiente para cair em um golpe tão manjado.




No início da tarde desta terça-feira (12), a Sra. Marlene Magalhães de Brito, 51 anos, natural de Granja e residente no distrito de Timonha, havia saído do Banco do Brasil da cidade quando viu uma bolsa de um homem caindo no chão. A mulher juntou a bolsa e devolveu para seu dono, que estava na companhia de outro.

Como forma de gratidão, o homem convidou a vítima para entrar em uma loja e escolher um presente. No percurso até a suposta loja, a vitima foi surpreendida,  os elementos tomaram a bolsa e fugiram.
A mulher ficou em estado de choque e somente depois de certo tempo é que foi acionar a polícia.

A vítima repassou aos policiais que dentro de sua bolsa continha a quantia de R$ 2.450,00 e vários documentos pessoais.
Após analisarem as imagens do circuito interno de câmeras do Banco do Brasil de Granja, os policiais da Tática de Granja bem como os do Ronda do Quarteirão fazem diligências por toda a cidade, porém até o término desta postagem não haviam conseguido êxito na captura da dupla de estelionatários. 

Camocim Polícia 24h

5 comentários:

Anônimo disse...

AGORA EM OS MALAS VAO ABALAR,POR QUE O BANCO DO BRASIL ESTA UM POUCO AFASTADO DO CENTRO DA CIDADE....E OS SEGURANÇAS DO BANCO SO SERVE PARAVFICAR CONVERSANDO COM AS PESSOAS

Anônimo disse...

Que nada de estelionatários,eles são assaltantes, bandidos perigosos e este é apenas um dos modos operantes desses vagabundos. Nem só armas evidencia a violência. Se fossem pegos deveriam ser autuados era por assalto e não por estelionato, onde a pena deve levíssima.

Anônimo disse...

Que nada de estelionatários,eles são assaltantes, bandidos perigosos e este é apenas um dos modos operantes desses vagabundos. Nem só armas evidencia a violência. Se fossem pegos deveriam ser autuados era por assalto e não por estelionato, onde a pena deve levíssima.

Anônimo disse...

Otárias são as pessoas que ainda caem nesse "golpe do baludo". Tanto que a polícia esclarece. Mas tem gente gananciosa para ganhar presente e se ferra toda. Não é mais aceito que, em pleno século 21, com tantos meios de informações ainda exista gente ignorante.

Anônimo disse...

pois tem sim, tem gente inocente ainda amigo gato pirado e abestado.