quinta-feira, 23 de junho de 2011

EM JUAZEIRO-CE, JOVEM QUE MATOU PRIMO SE APRESENTA ALEGANDO LEGÍTIMA DEFESA.

O jovem Cícero Antonio da Silva, de 23 anos, residente no Sítio São Paulo na zona rural do município de Caririaçu, se apresentou na 20ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Juazeiro do Norte e confessou o assassinato do seu primo na tarde do último domingo. Ele alegou legítima defesa e vai responder pelo homicídio em liberdade. Segundo disse, em meio à luta corporal com Cícero Alves da Silva, de 29 anos, o desarmou matando-oo com seu revólver.

O crime ocorreu por volta das 15 horas na calçada de casa da vítima na Rua da Paz, 282 (Pirajá) em Juazeiro, e Antonio se apresentou na Delegacia acompanhado do seu advogado.
Ele foi ouvido pela autoridade policial e terminou sendo posto em liberdade por ter livrado o flagrante. O mesmo foi até à residência do seu primo no domingo e houve uma discussão. 

O entrevero evoluiu para luta corporal quando teria notado o seu parente sacar um revólver. Em meio ao conflito teria conseguido desarmá-lo e alvejá-lo com quatro tiros, sendo dois nas costas e outros dois no tórax. Cícero Alves morreu no local sem tempo para socorro médico, enquanto Cícero Antonio fugia em sua moto Honda de cor vermelha junto com um comparsa deixando o revólver no local do crime.


Fonte: Miséria/Camocim Polícia24hs

Nenhum comentário: