sábado, 19 de janeiro de 2019

SABADOU NO "FORTIM DO EVA"


Venha acompanhado com seus familiares e amigos para conferir a deliciosa gastronomia e se divertir com muita música ao vivo. O Fortim do Eva está localizado na Avenida Beira-Mar, ao lado da Praça de Eventos do Odus.

CEARÁ RECEBE AGENTES PENITENCIÁRIOS DE OUTROS ESTADOS A PARTIR DE TERÇA-FEIRA


Agentes vão atuar em presídios onde presos ordenam série de ataques violentos no Ceará que ocorrem desde 2 de janeiro. Bandidos tentam fazer com que governo desista de medidas que tornam a fiscalização nos presídios mais rigorosa.

O Ceará recebe a partir de terça-feira (22) agentes da Força-Tarefa de Intervenção Penitenciária para atuar nos presídios do estado. Parte da frota viaja de Belo Horizonte para Fortaleza na terça; outros estarão em Brasília, onde permanecerão de prontidão, caso sejam convocados para atuar em Fortaleza. O número de servidores não foi revelado.
Os agentes vão atuar nos presídios cearenses onde criminosos ordenam, de dentro das celas, uma série de ataques que ocorre no Ceará desde 2 de janeiro. Desde então, foram 211 crimes, incluindo incêndio de ônibus, carros, vans e uso de explosivos em pontes, viadutos e torres. Áudios em celulares apreendidos com os internos revelam o comando dos ataques.
Na quarta-feira, o governo de Mato Grosso permitiu que agentes penitenciários do estado se inscrevessem para atuar no Ceará.
O processo de seleção para o Grupo de Intervenção da Força Tarefa Penitenciária (FTIP) é organizado pelo Departamento Penitenciário Nacional, do Ministério da Justiça. Os selecionados receberão a primeira convocação para apresentação em Brasília entre 21 a 25 de janeiro.
Desde a última segunda-feira (14), o número de atentados tem sido menor, porém ainda foram registrados ataques incendiários a carro de coleta de lixo, ônibus, além de tiros em uma agência bancária e explosões na ponte do Bairro Bela Vista e em um poste perto da estação do metrô do Couto Fernandes.

Fonte: G1Ce

COMOVIDA COM O “CASO DANDARA”, INSPETORA DE POLÍCIA CIVIL ESCREVE LIVRO SOBRE O TRAVESTI E BUSCA APOIO PARA PUBLICAÇÃO


'O Casulo Dandara' reúne histórias sobre a vida da travesti assassinada em 2017

O ano de 2017 trouxe consigo um dos crimes mais brutais já cometidos no Ceará. No dia 15 de fevereiro, Dandara dos Santos foi brutalmente assassinada no bairro Bom Jardim, em Fortaleza. Quase dois anos depois, um livro conta histórias desconhecidas da travesti que se tornou símbolo da luta contra a homofobia. A biografia foi escrita por Vitória Holanda, inspetora da Polícia Civil e amiga de infância de Dandara. Atualmente, "O Casulo Dandara" aguarda apoio de editoras interessadas em publicar as peculiaridades da vida da travesti.

"O livro é uma homenagem a todas as travestis que ousaram em mudar de corpo e identidade e resolveram encarar o lado escuro de suas escolhas, que preferiram trocar a paz de uma vida convencional pela rua, que resolveram viver e buscar a felicidade", diz a autora.

Na década de 1980, Vitória e Cleilson (nome de batismo de Dandara) tinham apenas seis anos de idade e habitavam um Conjunto Ceará que dava seus primeiros passos como bairro de Fortaleza. De acordo com Vitória, a chegada da família dela ao local foi o pontapé para o início da amizade. “Enquanto nossas mães faziam a mudança, a gente corria para o parquinho para brincar”.

Intimidade de Dandara

O livro traz vários relatos íntimos de quem acompanhou a infância e a adolescência de Dandara de perto. De acordo com Vitória, a travesti, quando criança, gostava de imitar a cantora Gretchen e, ainda pequena, mostrava-se uma exímia jogadora de futebol. A sexualidade feminina ganhou fortes contornos a partir dos 20 anos. “A primeira coisa que ele fez para se travestir foi tirar a sobrancelha”, relata.

M & D CONSTRUÇÕES: PREÇO BAIXO, QUALIDADE E BOM ATENDIMENTO!


Atenção você que vai construir ou reformar, venha para a Loja M e D Construções e encontre todos os tipos de materiais para a sua obra. Na M e D Construções, além do melhor atendimento você encontra os melhores produtos pelo menor preço. Aceitamos todos os cartões de crédito.
Temos cimento, madeira, telhas, tijolos, areia, portas, pisos, materiais para instalações elétricas e hidráulicas, pias, pisos, tintas, etc. Entregamos seu material em qualquer parte da cidade.
E atenção!!! Traga seu orçamento que a M e D Construções cobre qualquer oferta.
A loja M e D Construções está localizada Rua Antonio Zeferino Veras nº 565, bairro, São Francisco, próximo à Mercearia do Eliézio.
Contato: (88) 3621-2599 "Fixo” / (88) 9 9229-5813 "Claro" / 9 9689-6713 (Whatsapp)

Loja M e D Construções, preço baixo, qualidade e bom atendimento!

Veja abaixo mais fotos dos nossos produtos.