quinta-feira, 16 de outubro de 2014

OPERAÇÃO POLICIAL PRENDE DODÔ, LÍDER DO TRÁFICO EM ITAPAJÉ.

Acusado
Francisco de Assis Cosmo da Silva, 27, conhecido como Dodô, foi preso em um estabelecimento onde trabalhava como vigilante, no Centro da Capital.

Após trabalho de inteligência, as Polícias Civil e Militar do Ceará realizaram, nesta quarta, 15, a prisão de um dos homens mais procurados na região de Itapajé, a 142 quilômetros de Fortaleza, da Área Integrada de Segurança 17 (AIS 17). O líder de umas das gangues que disputavam o tráfico de drogas na área, Francisco de Assis Cosmo da Silva, 27, conhecido como Dodô, foi preso por ser acusado de estar envolvido em, pelo menos, quatro homicídios, além de sequestros ocorridos no município desde o começo do ano.

Segundo o comandante da Polícia Militar da AIS 17, major Ricardo Moura, o grupo comandado por Francisco de Assis ameaçava, sequestrava e torturava integrantes da facção rival, além de seus desafetos, com pregos, brocas e armas de fogo até provocar a morte da vítima.

O acusado estava sendo investigado pelo setor de inteligência da Delegacia Regional de Itapajé e 11º Batalhão de Policiamento Militar. Para despistar as polícias, ele ficava em Itapajé apenas nos fins de semana, mas tinha residência fixa em Fortaleza. Com a expedição de sua prisão temporária, o acusado foi preso em um estabelecimento onde trabalhava como vigilante, no Centro da Capital.

Na semana passada, os policiais da AIS 17 efetuaram também a prisão de Francisco Wilker Alves Mendes, de 23 anos, conhecido como Zequinha, em uma operação policial, chefe da gangue rival de Dodô. Desde o começo do ano, as duas facções rivais, comandados por Francisco Wilker e Francisco de Assis, disputavam o tráfico de drogas na região.

Fonte: O POVO
Foto: Divulgação

Nenhum comentário: